domingo, 5 de fevereiro de 2017

QUEM SE LEMBRA?

Quem se lembra das bolsas que serviam para levar a feira?

Antigamente a população era mais rural que urbana, assim como hoje. Mas a rural chegou a ser minoria lá depois dos anos 70.

Está fotografada em minha mente a figura do homem do campo com uma bolsa de palha e em direção de uma bodega, numa segunda-feira de manhã.

Fica fácil entender por que uma bolsa tão pequena cabia a feira para suprir uma família de 5, 8, 10 membros. Lembremos que a feira era semanal e não mensal. Além disso, consideremos os itens consumidos. O dono da casa só comprava o que dava para a sobrevivência, como café, açúcar preto, farinha, arroz (talvez), rapadura e rolo de fumo com seus acessórios.

Como veem, não havia materiais de limpeza e higiênicos modernos como pasta, sabonetes, limpol, creme disso, daquilo, escova, protetor solar, xampu, condicionador, etc.

Esse era o quadro daquele tempo. Uma bolsa cabia o necessário.

Quem se lembra?

Nenhum comentário:

LINGUAGEM

Funções da linguagem Emotiva ou de expressão do eu - É a exteriorização das emoções e atitudes interiores de quem fala, sem se preocupar  co...