quarta-feira, 31 de março de 2021

OS LADOS

Há lados para todos os lados quando se fala de abrir e fechar o comércio nesse período difícil. Se abre, o vírus ficará mais à vontade para contaminar, segundo os comitês científicos. Se fecha, os pequenos comércios sofrem e o desemprego aumenta.

É a famosa sinuca o estado em que se encontram os governantes.

Abrir escola

Acredito que as escolas devem ser abertas sob medida. Tradução: de acordo com os protocolos oficiais. 

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA NA REDE ESTADUAL

Veteranos e novatos

Do site do governo do RN

Neste ano, em virtude da adoção do Ciclo de Aprendizagem 2020/2021, os alunos veteranos que permanecerão na rede tiveram sua matrícula renovada automaticamente. 

As matrículas das vagas remanescentes, destinadas aos alunos que desejem ingressar na rede estadual, terão início em 31 de março com término em 6 de abril. 

Após a matrícula, o pai ou responsável terá 15 dias para validar a matrícula, conforme orientação que será apresentada pelo sistema. 

QUESTÃO ORTOGRÁFICA

Comprimento e cumprimento

Muitos confundem, mas não deveria, de jeito nenhum. A mudança de um o para um u, gera uma mudança enorme no significado.

Para um falante da língua portuguesa fica fácil diferenciar. Se sabemos o que significa tamanho (comprimento) e cumprir e gesto de cortesia (cumprimento), então saberá distinguir com facilidade as duas palavras.


AUSÊNCIA

Não há registros de chuva na região no dia que passou. O tempão está bom. Aguardemos, pois!

PROVÉRBIO

Não censure dor alheia, quem nunca dores sentiu (Gaúcho).

terça-feira, 30 de março de 2021

VALOR DA ESCOLA TRADICIONAL

Sufixos gregos

ismo - "ação, estado, maneira de ser, qualidade, sistema, doutrina". Os sufixos acima têm esses significados. 

Alguns exemplos de palavras da língua portuguesa que se aplicam ao sufixo ismo: alcoolismo, metabolismo, purismo, capitalismo.

Os adjetivos correspondentes têm os sufixos -ista e -ico.

É deste conhecimento que a escola deve se preocupar em transmitir e incentivar os alunos na sua formação intelectual. Assim, eles podem enriquecer seu vocabulário. 

As ditas metodologias ativas modernas não estão conseguindo fazer com que nossos alunos aprendam a enriquecer o vocabulário desde cedo.

CHUVA NO RIACHO DAS CARNAÚBAS

Uma fonte informa que a chuva de ontem no Riacho das Carnaúbas, município de Upanema, foi de 45mm. 

Portanto, mais do dobro da que caiu na cidade.

RN PODE TER CHUVAS DURANTE TODA A SEMANA

RN pode ter chuvas durante toda a semana

É a manchete do Rn.gov.br

No último final de semana, a Emparn registrou ocorrência de bons volumes de chuvas em todas as regiões do estado. Na região central, o acumulado superou os 100 milímetros (mm), como no município de São José do Seridó, com 172 mm acumulados, seguido de Timbaúba dos Batistas com 158 mm. No Agreste o destaque foi para Coronel Ezequiel com 112,4mm. Esse cenário é fruto da atuação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) na região Nordeste.

Para esta semana, a previsão é que as chuvas continuem ocorrendo em todas as regiões do Estado, provocadas pela atuação da ZCIT que se mantém na região.

Aqui em Upanema tivemos, entre os dias 25 e 29, uma precipitação pluviométrica de quarenta e cinco milímetros.


CHUVA DE ONTEM

 A chuva de ontem em Upanema, segundo a Emparn, foi de 17,1mm.

PRECIPITAÇÃO PLUVIOMÉTRICA

A precipitação pluviométrica entre a tarde e noite de ontem foi de 20mm.

PROVÉRBIO

Não botar água a pinto.

segunda-feira, 29 de março de 2021

VALOR DA ESCOLA TRADICIONAL

Sufixos gregos

ia - "condição, qualidade, estado, ciência". Exemplos: pediatria, euforia, apatia, anestesia. O adjetivo correspondente tem geralmente o sufixo -ico: pediátrico, eufórico, apático, anestésico.

É deste conhecimento que a escola deve se preocupar em transmitir e incentivar os alunos na sua formação intelectual. Assim, ele pode enriquecer seu vocabulário. 


O TEMPO NESTE TEMPO

Guiados pelo tempo, de olho no relógio, os professores vivem durante todo o tempo que está na sala. Saber o tempo que resta para terminar a aula é muito importante para o professor.

A data completa: dia da semana, dia do mês e ano todo professor ativo sabe dizer num segundo.

Nestes momentos difíceis não conseguimos dizer em qual dia estamos. Chega a segunda-feira e não percebemos como percebíamos no passado.

Traduzindo: estamos perdidos no tempo.

A SEGUNDA

A tradicional feira da segunda está mais movimentada do que na semana que passou. Há mais pessoas circulando e quase igual às ditas normais.

O dia está, desde cedo, nublado que nos faz pensar que teremos uma boa chuva.

PROVÉRBIO

 Não assinar sem ler.

domingo, 28 de março de 2021

ENTRETENDO - EDIÇÃO DE DOMINGO

QUEM SE LEMBRA?

Ferro em brasa é utensílio muito útil no passado que muita gente dessa geração de quinze anos de idade sequer viu uma vez. Um ferro de engomar, movido a brasa, balançado para acender as brasa é coisa do outro mundo para muita gente de hoje.

A VOZ DO BRASIL  Há mais de 80 anos no ar

Da Ebc

Com 85 anos, A Voz do Brasil é o programa de rádio mais antigo do país e do Hemisfério Sul ainda em execução. Essa marca lhe rendeu um espaço no Guinness Book, o Livro dos Recordes, em 1995. Em julho de 1935 foi criado o Programa Nacional, para divulgação dos atos do Estado novo, da era Vargas.

Três anos depois, o Programa Nacional deu lugar à Hora do Brasil, quando passou a ter veiculação obrigatória nas rádios do país, com o horário fixo das 19h às 20h. Em seus primeiros anos, o programa abria espaço para a arte, com execução de músicas e transmissão de radionovelas. Em 1961, o presidente Jânio Quadros costumava usar o programa para transmitir recados escritos por ele de última hora.

O nome A Voz do Brasil foi adotado a partir de 1971. Ao longo dos anos, passou por reformulações. Em 1998, por exemplo, foi incluída uma voz feminina na locução. A abertura do programa, quando uma voz masculina imponente dizia “em Brasília, 19 horas”, tornou-se marca de A Voz do Brasil. Aos poucos, o bordão foi sendo flexibilizado e foram incluídas novas frases de abertura, como “Está no ar a sua voz, a nossa voz, a Voz do Brasil”. 

O Guarani

Apesar de criada no século 19 e aclamada na ocasião de sua estreia, em 1870, em Milão, a ópera O Guarani, de Carlos Gomes, é mais conhecida como o tema de abertura de A Voz do Brasil. 

A VOZ DO BRASIL ENTRE NÓS

Durante muitos anos, "A voz do Brasil" era a única fonte de informação das pessoas, principalmente das que moravam no campo. Possuir um radinho de pilha era ter um tesouro de informação. As notícias ligadas ao governo não eram as únicas. Havia a voz dos deputados federais e senadores. Os ouvintes do país inteiro podiam ouvir seus deputados e senadores na tribuna. O homem do campo do Rio Grande do Norte ouvia os pronunciamentos do senador Agenor Maria, cujo assunto principal era a defesa da agricultura. 

CHUVA DE HOJE DE MADRUGADA - Apenas 7mm. No mês de março já choveu mais de setenta milímetros.

LITERATURA UPANEMENSE

Um protesto ao Regime Militar (Os versos do cordel foram compostos em 1982)

Por Inez Tavares

Eu sou um cara calado
Mas vou dizer meu sofrer
Pois tô ficando maluco
Não sei mais o que fazer.

Eu vou dizer meu sofrer
Nestes versos a seguir
Pois setores ditos básicos
Em nosso país vai falir.

Eu não sou economista
Como o gordo do escalão
Mas com projetos e pacotes
Não se enche panela não.

Eu não sei com que direito
Casa de pobre é embrião
Pros ricos é diferente
São palacetes, mansão.

Eu sei que saúde é pra todos
Mas este INPS é cruel
do jeito que a coisa tá
Só pobre vai pro beleléu.

Eu não sou homem letrado
Mas quem dirige a educação
Tem apenas costa larga
E muita pouca visão.

Eu não sou um general
Por isso não sei governar
Mas confio em dias melhores
Se me deixarem votar.

Eu sou é cabra da peste
E se não sair eleição
Vai dá cacete, dá bode
Metralhadora e canhão.

Eu também sou brasileiro
Pois conheço de carestia
E peço aos governantes
Retorno à democracia.

Sabe ainda o que eu sou?
Um homem escravizado
Eu quero dos opressores
Justiça, paz e liberdade.

O governo não ouve os clamores
De um povo que não tem pão
Se trabalha é obrigado
A engordar o patrão.

O governo não ouve os clamores
Do operário e seu dia a dia
Sua força força, seu trabalho
Só engrossa a mais-valia.

O governo não ouve os clamores
Dos camponeses desesperados
Pra dá vez a capim e boi
Dos campos são expulsados.

O governo não ouve os clamores
Das classes estudantis
Implantando o ensino pago
Só envergonha o país.

Mas governo eu queria
Ser apenas um cidadão
Trabalhar e produzir
Sem essa de escravidão.

Mas governo eu queria
Urgente uma reforma agrária
Trabalhar em terra nossa
Não do latifundiário.

Mas governo eu queria
Diálogo e participação
O reconhecimento da UNE
Nossa voz, nossa união.

Mas governo eu queria
O fim desta carestia
O veto às mordomias
A volta à democracia.

Não quero da abertura
Guerra, guerrilha, omissão
quero ensino gratuito
Mais verbas pra educação.

Não quero da abertura
Briga entre empregado e patrão
Quero salário justo
Viver como cidadão.

Não quero da abertura
Desemprego e exploração
Quero reforma agrária
Trabalhar no meu torrão.

Não quero da abertura
Viaduto, asfalto, mansões
Quero casas populares
Sem essa de embriões.

Não quero da abertura
Projetos pra barão
Piscina, esporte, lazer
Se falta alimentação.

Não quero da abertura
Terrorismo e repressão
Quero direitos humanos
Cumprindo sua missão.

Não quero da abertura
Promessas e badalação
Quero a Constituinte
E do povo participação.

Não quero da abertura
Ver o país em recessão
Quero eleições diretas
Sua democratização.

É desumano um estado
De um povo desamparado
Tudo a ele é negado
Trabalho e educação
Comida e habitação
O povo á não aguenta
Apertar o cinturão.

É desumano o estado
Com milhões desempregados
Famílias desesperadas
Com o alto custo de vida
Com esta tal carestia
O povo já não aguenta
Viver nessa agonia.

É desumano o estado
Em tamanha mordomia
Para uma minoria
De ministros e generais
Senhores e capataz
O povo não aguenta
Esta gang de satanás.

É desumano um estado
Com a previdência fraudada
Os chefes com enrolada
Depois de roer o osso
Burlando os pobres, os trouxas
O povo já não aguenta
Pagar tudo na sua bolsa.

É desumano o estado
De agricultores sem terra
O latifundiário ainda berra
Mantendo-os no cativeiro
Todo dia o ano inteiro
O povo já não aguenta
Viver neste atoleiro.

É desumano o estado
Onde a massa operária
enriquece o empresário
Faz crescer o capital
É uma coisa brutal
O povo não aguenta
E se organiza pra tal.

É desumano o estado
Que tortura, mata, trai
Protege apenas uns tais
Duvidar ninguém devia
Da volta a democracia
O povo não aguenta
Vai saber poder um dia.

É desumano o estado
Com um chefe sem visão
Nega água, nega pão
Se no seu candidato não votar
Mas deixe a eleição chegar
O povo não aguenta
E na oposição vai votar.

Brasil de mão estendida
Disse o presidente à nação
Não entendo o tal gesto
O tal aperto de mão
O povo? Tá apertado
Sem casa, escola, feijão.

Brasil da democracia
Bem prometida por João
Mistura de casuísmos
Pacotes e vinculação
E o povo na espera
Sem casa, escola, feijão.

Brasil, pra frente Brasil
Já dizia uma canção
Num país de carestia
Pra frente tá a inflação
E o povo na miséria
Sem casa, escola, feijão.

Brasil da austeridade
Retrato da corrupção
Rombo na previdência
Mandioca em ação
E o povo desesperado
Sem casa, escola, feijão.

Brasil país da fartura
Com seca cá no sertão
Dinheiro pra Itaipu
Governo constrói mansão
E o povo sem ter direito
A casa, escola, feijão.

Brasil encontrou a saída
Com essa de exportação
A saída? Tá nas urnas
Quando falará o povão
Que está amargurado
Sem casa, escola, feijão.

Brasil do plante garante
Proterra, proagro, promelão
Projetos que beneficiam
Os donos da terra, o patrão
Quem planta tá atolado
Sem casa, escola, feijão.

Brasil feito por nós
É a grande badalação
Nós somos uma nação pobre
E os poderosos ricão
É desumano ver um povo
sem casa, escola, feijão.

Brasil país da igualdade
Com fome, doença, opressão
Mas para publicidade
Tem dinheiro em rojão
E o povo desamparado
Sem casa, escola, feijão.

Brasil pendão da esperança
Espera chegar a eleição
O povo vai ter voz e vez
Com lápis e papel na mão
Será 15 de novembro
O dia da redenção.

Já tá chegando novembro
Na espera tá o povão
Pra calar o PDS
E seu famoso pacotão
82 é o ano do troco
Vou votar na oposição.

O desemprego aumentando
Salário virando tostão
É ato do PDS
Defensor da revolução
82 é o ano do troco
Vou votar na oposição.

Implantar o ensino pago
Que vergonha pra nação
Ideia do PDS
Dos generais em educação
82 é o ano do troco
Vou votar na oposição.

O rombo pela previdência
Foi uma esculhambação
Sem escrúpulo o PDS
Lesou o seu coirmão
82 é o ano do troco
Vou votar na oposição.

E os recursos pra seca?
Cadê os tais bolsão?
E os homens do PDS
Banqueteiam-se no sertão
82 é o ano do troco
Vou votar na oposição.

É brutal o custo de vida
É escandalosa a inflação
O governo inventa pacotes
Pra complicar a situação
82 é o ano do troco
Vou votar na oposição.

Sobe a água, sobe a luz
Sobe a farinha, o feijão
Fruto do PDS
Retrato da desumanização
82 é o ano do troco
Vou votar na oposição.

Tem umas tais mordomias
Pra gente do escalão
Mas cuidado PDS
No voto somos irmãos
82 é o ano do troco
Vou votar na oposição.

O clima é de desconforto
De grande inquietação
E o partido PDS
Quer mesmo ganhar a eleição
O povo vai dar o troco
Votando na oposição.

Mesmo no desconforto
Dias melhores virão
Cale a boca PDS
Ouça as urnas em apuração
Mudar é o nosso troco
É a nossa redenção.

HUMOR

A recém-casada ao marido:

- Por que você ronca tanto quando dorme?

- Ora, simplesmente porque não posso roncar quando estou acordado.



sábado, 27 de março de 2021

CHUVA DE HOJE À TARDE

Treze - A chuva de hoje pela tarde foi de treze milímetros no nosso pluviômetro.

Já são mais de sessenta milímetros este mês que marcha para o final.

QUESTÃO DA LÍNGUA

Comportamento

Esta palavra é acoimada, pelos puristas, de galicismo, e aconselham a substituí-la por procedimento. Entretanto, acha-se já fixada, na língua, irremediavelmente.

Galicismo é uma expressão da língua francesa, mas usada por nós da língua portuguesa.

DE GRÃO EM GRÃO

Chuva da tarde de ontem: 5mm.

De pingo em pingo - Até ontem pela tarde somei 54mm no meu pluviômetro.

QUE PALAVRA!

Carisma

Força ou dom por graça divina. (Aurélio)

Qualidade especial de liderança. (Soares Amora)

Não há como negar que existem pessoas que desenvolvem com mais intensidade que outras certas tarefas. A isso, podemos chamar de dom.




PROVÉRBIO

 Não arranjar meio sem mais a metade.

NÃO ESTÁ SENDO FÁCIL

Ninguém pode dizer que sua vida está fácil, mesmo que, de fora, pareça ser. Há, com certeza, pessoas que estejam vivendo com menos ou mais dificuldade, mas ninguém está totalmente tranquilo com uma coisa ao redor, ameaçadora e invisível. Coisa que pode estar aqui, ali e alhures. 

É como se estivéssemos no escuro ou de olhos vendados - ou quase isso - e algo perigoso ao nosso redor nos ameaçando.

Não está sendo fácil
Viver assim.

TEMPO PARA HOJE

Serão 33º.

Informações do Tempo Agora.

sexta-feira, 26 de março de 2021

QUESTÃO ORTOGRÁFICA

Palavra masculina e feminina

Cólera (morbo) latim cholera-morbus

Doença intestinal - É palavra masculina: o cólera. (Cândido Jucá Filho - Dicionário Escolar das Dificuldades da Língua Portuguesa)

É caracterizada por forte diarreia e cólicas. É causada pela bactéria Vibrio cholerae, que invade os intestinos e pode propagar-se pela água contaminada. (Dicionário de Termos Médicos, Enfermagem e Radiologia - Editora Rideel)

No sentido de ira, é palavra feminina. Ele deixou-se dominar pela cólera.

Prevenção

A prevenção não é diferente da Covid e dá uma boa rima: 

Uma boa prevenção
É lavar cada mão
Com água e sabão
Antes da refeição.



VOOS LONGOS

Olha como a nossa mente pode voar para distâncias longas, curtas ou médias. Até com as palavras podemos realizar voos. Não faz nem dez anos que voo tinha sobre o seu primeiro o (ó) um acento denominado circunflexo, chapéu, cangalha ou cangaia (ô). O acento foi suprimido por causa do acordo ortográfico entre os países que têm a língua portuguesa como oficial.

Outros voos a nossa memória pode realizar relembrando de episódios bons da vida. É preferível estes aos maus, afinal, recordar é viver, diz o dito popular.

Foi o que fez o poeta Casimiro de Abreu em Meus oito anos:

Oh! que saudades que tenho
Da aurora da minha vida,
Da minha infância querida
Que os anos não trazem mais!

Que amor, que sonhos, que flores,
Naquelas tardes fagueiras
À sombra das bananeiras,
Debaixo dos laranjais!

Como são belos os dias
Do despontar da existência!
— Respira a alma inocência
Como perfumes a flor;

O mar é — lago sereno,
O céu — um manto azulado,
O mundo — um sonho dourado,
A vida — um hino d'amor!

Que aurora, que sol, que vida,
Que noites de melodia
Naquela doce alegria,
Naquele ingênuo folgar!
O céu bordado d'estrelas,
A terra de aromas cheia
As ondas beijando a areia
E a lua beijando o mar!

Oh! dias da minha infância!
Oh! meu céu de primavera!
Que doce a vida não era
Nessa risonha manhã!

Em vez das mágoas de agora,
Eu tinha nessas delícias
De minha mãe as carícias
E beijos de minha irmã!

Livre filho das montanhas,
Eu ia bem satisfeito,
Da camisa aberta o peito,
— Pés descalços, braços nus
— Correndo pelas campinas
A roda das cachoeiras,
Atrás das asas ligeiras
Das borboletas azuis!

Naqueles tempos ditosos
Ia colher as pitangas,
Trepava a tirar as mangas,
Brincava à beira do mar;
Rezava às Ave-Marias,
Achava o céu sempre lindo.
Adormecia sorrindo
E despertava a cantar!

ELEIÇÃO NA UERN

Do Portal Uern
Por Iuska Freire -22 de março de 2021 

Está aberto o período de campanha eleitoral do processo da composição da lista tríplice para a escolha de Reitor(a) e Vice-Reitor(a) da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), para o quadriênio 2021/2025.

Conforme o Calendário Eleitoral, a campanha será realizada de 22 de março a 13 de abril. A eleição vai acontecer no dia 14 de abril, das 8h às 22h, de forma virtual pelo sistema SIGEleição.

Através de sorteio ficaram definidos os seguintes números de identificação:

70 – Francisco Paulo da Silva – candidato a Reitor;

71 – Kelânia Freire Martins Mesquita – candidata a Vice-reitora;

80 – Adalberto Veronese da Costa – candidato a Reitor;

81 – Maria José da Conceição Souza Vidal – candidata a Vice-Reitora;

90 – Cicília Raquel Maia Leite – candidata a Reitora;

91 – Francisco Dantas de Medeiros Neto – candidato a Vice-Reitor.

Os candidatos aos cargos de reitor e vice são de uma geração bem distante daquela que encontrei há alguns aninhos atrás.

Pelos nomes, nenhum foi meu colega ou alguém de conhecido de outros cursos.

A eleição virtual é uma novidade. Na nossa época, nem se cogitava que tal coisa pudesse acontecer.

PROVÉRBIO

Não andes por atalho a fim de evitar trabalho.

PREVISÃO DE CHUVAS PARA OS PRÓXIMOS TRÊS MESES NO RN

Do site da Emparn, ontem

A previsão para a segunda metade do período chuvoso a região semiárida-, que corresponde ao período dos meses de abril, maio e junho- é de ocorrência de chuvas regulares, variando de normal a abaixo de normal. Essa foi a conclusão da análise da Reunião Climática coordenada pela Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC/PE) realizada ontem(24). O evento contou com a participação e contribuição do chefe da Unidade Instrumental de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), Gilmar Bristot além de especialistas de institutos de meteorologia do Brasil.

Sobre as chuvas ocorridas, da segunda quinzena de fevereiro até agora, o meteorologista avaliou como regulares, principalmente nas regiões do Alto Oeste, Vale do Açu e Seridó como todo. “As chuvas ocorreram com melhor regularidade nestes locais por influência do relevo da região, beneficiando a cadeia da agricultura”, considerou.

Previsão para os próximos três meses

As análises apontam que no interior do RN as chuvas devem ser irregulares, variando de normal a abaixo do normal, com maior concentração na região do Alto Oeste, Seridó e Vale do Açu.

Já no litoral, as condições ainda não estão adequadas para uma análise mais precisa. “Estamos no princípio do outono e as condições do centro de alta pressão do oceano Atlântico Sul e vento- algumas das condições que favorecem a ocorrência de chuvas- ainda estão indefinidas para o litoral do Nordeste. Em meados de abril será possível fazer uma análise mais clara. A indicação no momento é de normalidade, com uma maior concentração e maior ocorrência no litoral sul, na região de Canguaretama e metropolitana de Natal”, analisou Bristot.

Para o período de para abril, maio e junho as médias previstas são as seguintes:

Oeste 250mm

Central 200mm

Agreste 200mm

Leste 500mm

CHUVAS IRREGULARES

Estudiosos apontam para chuvas irregulares nos próximos meses

Se nos basearmos pelo volume que choveu o ano passado e neste ano, veremos que, se seguir a tendência, teremos a metade da média que estão dizendo os estudiosos.

Em janeiro, fevereiro e março, em todos eles, tiveram em torno de 40mm.



quinta-feira, 25 de março de 2021

QUESTÃO ORTOGRÁFICA

Cegar e segar

Oralmente, só dá para entender através do contexto.

Qualquer minidicionário de língua portuguesa as define.

Que tal, caso não as conheça, dar uma interneteada e descobrir a diferença?

ANIVERSARIANTE

MDB

O Movimento Democrático Brasileiro - MDB fez 55 anos de idade ontem. 

Exatamente em 24 de março de 1966 surgiu oficialmente o partido que ao lado da ARENA - Aliança Renovadora Nacional - fazia parte do bipartidarismo no país.

REGISTRO

A  minúscula chuva de ontem até este momento - 14h - foi de 3mm.

MANHÃ

 A manhã está nublada e chuviscada.

RELÂMPAGOS

Muitos relâmpagos lá pras bandas do lado sul da cidade. Bom sinal de que houve chuvas que turbinarão as águas da Barragem de Umari.

PROVÉRBIO

Não anda o carro adiante dos bois.

quarta-feira, 24 de março de 2021

PREVISÃO PARA AMANHÃ NO TEMPO

33ºC é a previsão para amanhã, segundo o tempo.com.

VACINA: ESTÁ SE APROXIMANDO

Numa contagem regressiva de idade, está chegando perto de mim a vacina contra o coisa ruim.

GASOLINA

O preço da gasolina é um dos assuntos mais badalados na cidade. Se desse jeito falar, tudo estaria bem.

QUESTÃO ORTOGRÁFICA

Cavalheiro e cavaleiro

O primeiro, é o homem educado. O que abre porta de carro para mulher, deixa primeiro as mulheres entrarem num recinto, etc.

O segundo, é o homem que monta a cavalo.

A propósito

A propósito, relembremos os bons tempos em que decorar as palavras e frases faziam tão bem aos estudantes que aprendiam e nunca mais esqueciam:

Antônimo de cavalheiro? 

Dama, professor!

Antônimo de cavaleiro? 

Amazona, professor!

ALUNOS APROVADOS NO SUBSEQUENTE DO IF

Escola Estadual José Calazans Freire parabeniza

Queremos registrar e parabenizar nossos alunos Maria das Graças Araújo Figueiredo, Juliana Aquino dos Santos, Emanuely Iasmim Carlos da Silva, Arianny dos Santos Martins, Silvania Gabriely da Silva Costa, Raiane Fernandes de Souza, Marta Jussara de Oliveira e Marcos Antônio Fernandes da Silva que cursavam a 3 série do Ensino Médio em 2020 e foram aprovados para Cursos Subsequentes no IFRN.



COMBATE

Tuberculose

Em tempos difíceis em que só se fala praticamente numa doença só, não significa que as outras não sejam também perigosas e estejam matando.

Por ser uma doença infectocontagiosa, deve também ter sua atenção. É uma doença que pode ser tratada a tempo e tem cura. 

A lembrança no dia de hoje é uma homenagem ao descobrimento do bacilo causador da tuberculose, ocorrida em 24 de março de 1882, pelo médico Robert Koch.

24 de março: Dia Mundial de Combate à Tuberculose.


PROVÉRBIO

Não adianta gritar por São Bento, depois que a cobra mordeu.

terça-feira, 23 de março de 2021

TROVÕES

O ano tem sido de pouca chuva e poucos trovões.

Trovão: esse misterioso ribombar nos céus, que empurram ou trazem chuvas, segundo o imaginário popular. Ou será ciência? 

Se não for ciência, a deusa, ninguém quer crer. É um mundo que vive  de extremos: Da ciência aos vampiros.


PELA METADE

No olho deu pra ver que a feira das segundas, a famosa feira-livre de Upanema, foi pela metade ontem.

Metade em bancas de vendedores, metade em pessoas. É o efeito do decreto governamental em combate à peste do corona. 

É a feira mais vazia depois da pausa que tivemos, no tempo em que algumas feiras foram fracas. Refiro-me aos meses de março e abril do ano passado.

QUESTÕES ORTOGRÁFICAS

Às vezes a falta de uma letra pode não mudar a compreensão daquilo que se quer dizer. Todavia, em alguns momentos, pode atrapalhar uma aprovação em concurso, etc.

Palavras como homem, hoje, hora e hospital, num bate-papo caseiro - por escrito - obviamente -  não fazem nenhuma diferença se colocarmos omem, oje, ora e ospital.

Mas o professor de português poderá e deve baixar uns pontinhos numa prova. E o corretor no Enem irá fazer o mesmo na prova de redação.

Ainda: em público, quem é alfabetizado tem a obrigação de escrever as palavras corretas, a não ser que seja um deslize do vexame de publicar os textos.

UMA TROÇADA

O que se toma para deixar o corpo com imunidade contra toda espécie de doenças varia de pessoa pra pessoa, como também variam as reações. Uns resistem por muito tempo e até ficam curados, mesmo tendo problemas de saúde. Já outros, mesmo não tendo doenças, não resistem.

É notório que as vitaminas são indispensáveis, principalmente tiradas diretamente da fonte da natureza. Agora em tempos difíceis, imunidade está diariamente presente no vocabulário de todo mundo. Quando há casos diferentes com relação à perigosa, a razão está no como está cada organismo por dentro e o que cada pessoa toma.

Falando nisso, um dos nosso filósofos populares respondeu:

"Para ficar preparado contra essa coisa que está aí eu tenho tomado todos os dias uma troçada".

"Mas, o que é uma troçada"?

"É um bocado de chá, raízes de toda qualidade", respondeu ao interlocutor.

CHEIRO E PINGOS

Um bom cheiro de encher as narinas e umas boas pingadas é o quadro que pinto a boca da noite de ontem aqui. 

Tem-se esperança de bom inverno. Aa ciência e o profeta da chuva nunca se desesperam, mas preveem uma regularidade para pelo menos trazer o básico, o necessário.

PROVÉRBIO

Na terra onde não há onça, veado escaramuça.

SUSPENSO NO AR?

A voz da ciência fala mais alto nas horas em que os que não a estudam falam algo.

Sobre a eficácia das máscaras, da vacina e até da natureza desse vírus, que às vezes é tachado de maluco e um ser incompreensível, há vozes que gritam de todos os lados. 

O vírus fica no ar por muito tempo? Se não está lá por muito tempo, para que usar máscara na rua? São perguntas que os especialistas ainda estudam e divergem também. O que a maioria recomenda é o uso da máscara, e quanto mais resistente, melhor.

segunda-feira, 22 de março de 2021

PROVÉRBIO SOBRE A ÁGUA

A água grita a qualquer pancada que lhe dão.

As maiores pancadas que ela leva é das pessoas, quando estas as poluem e sujam e desperdiçam.

ÁGUA

Dia mundial da água

Está em todos os lugares. Indispensável. 

No batismo, é símbolo de limpeza do pecado para algumas religiões.

É importante, boa, extraordinária, porém, tem alguns poréns, como sua periculosidade se não tivermos muito cuidado. O afogamento é muito comum entre nós. 

Outro porém é a poluição que também mata. Os açudes e os rios não são os mesmos de antigamente. Suas águas são bastante poluídas.

A água para ser potável não deve ter cheiro - inodora - não ter cor - incolor -  e não ter gosto - insípida.

Uma piada 

O professor Raimundo da Escolinha pergunta a uma aluna o que é uma água potável. 

- É a que tiramos do pote, professor!

- Tem sentido, responde Raimundo, numa daquelas adulações que ele sempre fazia àquela aluna.

- Divirjo, mestre, diz o sabe-tudo Ptolomeu. Água potável é a que serve pra beber.

- Isso! E a água que serve pra beber não é a que está no pote? 

A resposta está certa, arremata o professor adulador.


QUESTÃO ORTOGRÁFICA

S (esses) desperdiçados

Desperdiçamos esses ssssss quando os colocamos no plural de hora, por exemplo. O plural daquela palavra é simplesmente um h.

Plural de hora: h. Em Brasília 19h. Recordação. O início da Voz do Brasil começa assim.


VOZ DOS VENTOS

Quando vi os ventos soltos em janeiro, desconfiei que não haveria chuva.

As palavras acima foram de um agricultor experiente com as chuvas e plantador de tudo que dá no campo desde menino.

Ventos. O que fazem os ventos com as chuvas? Será que as levam umas vezes, e outras, trazem? Ou é um segredo natural que somente os agricultores sabem, mas deixam de ser segredos ao revelarem em tempo oportuno?

PROVÉRBIO

Na terra dos papudos quem não tem papo é defeituoso.

domingo, 21 de março de 2021

ENTRETENDO - EDIÇÃO DE DOMINGO

TEXTO ANTIGO

A arte de ler - Jonathas Archanjo da Silveira Serrano (Parte final)

O menor dos males resultantes da leitura desses livros sem ideias, sem valor intelectual nem moral, é a perda de tempo, capital precioso que se não deve inutilmente esbanjar. Mesmo para um espírito maduro é imprudência afirmar que pode ler tudo, seja o que for. Pensa René Bazin que tal afirmação equivale a proclamar uma destas duas coisas: "Ou que o homem é impecável, ou que um dos principais meios de conhecimento não tem poder algum de formação". Noutro lugar, o mesmo autor nos dá esta fórmula:

"Cumpre ser superior ao livro que se vai ler, quero dizer, é preciso saber ou pressentir que possuímos, graças à educação, uma cultura bastante forte, um vigor moral suficiente, para que a parte sã do livro nos aproveite, e a má não nos prejudique".

A leitura desordenada e sem critério não acarreta somente perda de tempo, nem apenas vicia a inteligência e a vontade. Ainda que não leve ao crime (o que sucede bastantes vezes), produz quase sempre uma consequência que seria altamente ridícula, se não fosse profundamente lamentável: o pedantismo das citações, a erudição superficial e ilusória, a fofa ciência de quem nada sabe e tudo leu mal. Contra esta mania de saber livresco desacompanhado de observação que o corrija e complete, da observação que é a fonte única e fecunda da verdadeira produção artística, é que se deveriam conjugar os esforços dos educadores inteligentes e cônscios da sua reponsabilidade social.

Para ler com proveito, é preciso não ler de tudo, indigestamente. "A arte de não ler, disse algures Schopenhauer, é uma das mais importantes". Payot condena a mania dos que devoram volumes. "Consideremos tempo perdido qualquer leitura às pressas e superficial. Tenhamos uma impressão franca, direta, profunda do texto, e, já que ler é pensar, leiamos lentamente, com toda a nossa atenção. ponhamo-nos no lugar da personagem, se for personagem, repensemo-la, revivamo-la com sinceridade. Se se tratar de um texto, é mister apreender-lhe a lógica profunda, o movimento da frase, a força ou a graça do estilo, e as imagens sejam sentidas como consequência da ideia dominante".

Albalat também reconhece que o proveito da leitura varia segundo o modo por que se lê. E insiste particularmente na necessidade de leitura atenta, aconselhando a tomada de notas e, em alguns casos, a cópia de trechos. e noutro ponto, ainda recomenda a leitura "lenta, refletida e total, que nos dispensa aliá do dever de reler".

De quanto acabamos expor nestas linhas, resulta demonstrada a importância da leitura na formação intelectual e moral dos jovens, e seus magníficos resultados quando feita com método, bem dosada em quantidade e qualidade, e sempre completada e corrigida pela observação.

PERDA DE TEMPO - Apesar de o autor acima não ter conhecido a era das redes sociais, fala da leitura como perda de tempo. Ele cita na primeira parte do texto determinados romances como os do autor de Sherlock Holmes. Já disse eu no domingo passado que não concordo que Conan Doyle tenha escrito textos que se enquadrem como perda de tempo. Quanto ao que é escrito nas redes sociais, sim. Há muito de perda de tempo. Filtrar o que é proveitoso para o leitor é que é tarefa muito difícil. Um estudante ou professor, cuja missão diária seria pesquisar, e se embrenha em fofocas da rede, deve urgentemente acordar, para que não venha a se lamentar no futuro.

NÃO LER TUDO - Não se deve ler tudo que aparece na frente. É uma opinião compartilhada por Sherlock Holmes, grande personagem de Conan Doyle. Pois, segundo ele, não necessitamos de  ler tudo. Há coisas desnecessárias para cada caso individual. Ele, como detetive, descartava algumas leituras, porque seria uma tremenda perda de tempo.

INTERNET DE ANTIGAMENTE - Enciclopédia

Escola nova - Corrente pedagógica orientada, de um lado, pelo sentimento de solidariedade social, de outro, pelo princípio psicológico da atividade como recurso educativo, e, ainda de outro, pela finalidade de educar para a vida pela vida. Sobre estas três pedras angulares assenta a concepção da escola nova, também chamada escola renovada ou de renovação educacional. Seus adeptos, na prática, acentuam ora uma ora outra dessas três características. Quando pelo desenvolvimento da iniciativa do aluno o princípio da atividade se torna dominante, a escola nova toma o aspecto de escola ativa. Escolas comunidades são as que funcionam com a preocupação de desenvolver o sentimento de colaboração social. Para alguns o movimento em prol da escola nova (Pour une ère nouvelle) está associado à escola única, graças à feição democrático-igualitária que inculca na educação. Por seus métodos e sua técnica, a escola nova se contrapõe à escola tradicional.

Escola tradicional - Expressão ciada para caracterizar a escola que não obedece aos preceitos pedagógicos da escola nova, por isso que em seus métodos e práticas se subordina a preceitos mais antigos que haviam adquiridos foros de tradição. (Enciclopédia Globo, volume 4)

A ESCOLA TRADICIONAL HOJE - Os ventos que hoje sopram contra a escola tradicional têm quase que a derrubado de vez. Ser tradicional hoje soa como algo ruim e reprovável. Entretanto, se olharmos com outro olhar o fenômeno, não entendemos porque os que a condenam são os mesmos que aprenderam a ler, escrever e contar através dela. O desprezo pela prioridade pelo ensino de conteúdos tem levado o Brasil a patamares baixos no conhecimento do básico a ponto de o PISA detectar o baixo conhecimento dos alunos em português e matemática. Se a escola não tradicional fosse boa, ela estaria em altos níveis de ensino nessas áreas.

EDUCAR, SEGUNDO ELLEN WHITE

Significa muito mais do que o simples prosseguimento de um certo curso de estudos. Visa o ser todo...É o desenvolvimento harmônico das faculdades físicas, mentais e espirituais".

É pois este ser todo que o professor vai encontrar na sala de aula, buscando no mestre aquilo que às vezes lhe falta em casa. (Sebastião dos Santos, em Manual Prático para Ensino de Inglês)

OPINIÃO  - A opinião de Ellen White sobre educação é aquela que não foca somente no ensino, mas na educação como um todo. Isso não está ajudando. A educação cabe muito, mas muito mais à família do que à escola.

CHUVA DE ONTEM

Apenas 3mm marcou meu medidor de chuva ontem pela entrada da noite.

VACINAÇÃO

Está em marcha lenta, mas vai chegar. eu sei que vai chegar pra todo mundo.

ESTÁ FAZENDO FALTA

Muita falta mesmo está fazendo as aulas presenciais. Está fazendo falta até a quem achava que não precisava de escola. A socialização que a escola proporciona às pessoas é extraordinária. Não somente a merenda é útil, como a muitos é. 

FALTA E PREJUÍZO

Além de falta, prejuízo. Ninguém poderá medir os prejuízos que a ausência de aulas presenciais estão dando à sociedade. 

MENOS

Menos leitura, menos cultura, menos conhecimento científico e formal. Muito mal.

HUMOR

Pelas bandas de Minas Gerais, numa pequena cidade onde nada havia para o lazer de seus poucos habitantes, José, um vendedor da capital, foi indicado para oferecer sapatos à única loja local. O chefe de José o advertiu:

- Tome cuidado, pois todos os vendedores que foram para lá acabaram ganhando um apelido.

- Pois eu sairei de lá sem apelido! - respondeu José. 

José chegou à noite e foi direto para a única pensão que existia. 

No dia seguinte, depois de fechar as vendas, correu de volta para a pensão. Ficou esperando o ônibus que o levaria de volta à capital. 

Impaciente, José ia e voltava da janela, de onde espiava a rua, aproveitando a fresta da cortina. 

Finalmente, chegou a hora de embarcar. Ao subir no ônibus, ouviu alguém gritar:

- Boa viagem, "cuco"! 

(Revista Seleções, junho 2009)



sábado, 20 de março de 2021

COMO FOI NO DE DE SÃO JOSÉ

E o vento levou

Com os olhos no céu, o sertanejo espera até o dia 19 de março para ter a certeza de que haverá um bom inverno. O dia do santo traz a esperança ou a desesperança.

Ontem, para os que acreditam que o dia de São José é o divisor de águas, no nosso município, foi um dia de desesperança.

O vento levou a chuva para outro lugar, se é possível assim dizer. Havia um mundão de chuva pela tarde, mas não desceu por aqui.

Soubemos que em outras bandas a chuva caiu muito boa.

QUE PALAVRA!

Cariopse: Fruto que apresenta o pericarpo preso à semente, confundindo-se com ela. Ex: Fruto das gramíneas: O capim, o bambu, a cana. (Aurélio)

O milho, o trigo e o arroz também são exemplos de frutos que têm cariopse. 


DICIONÁRIO COMPARADO

Coió:  Sujeito enxerido. Metido a conquistador. Namorador. Gavião. Também pequeno fogo de artifício usado nas festas juninas. (Calepino Potiguar, de Raimundo Nonato)

Assobio que se emite para uma mulher ou homem com tons de paquera. Estado de quem está muito debilitado ou doente. Ex: Ele está só o coió. (Dicionário Upanemês)

PROVÉRBIO

Na sombra da galinha o cachorro bebe água.

sexta-feira, 19 de março de 2021

QUESTÃO GRAMATICAL

Por unanimidade

Aprovado é adjetivo e pede a preposição por nas frases. Portanto, não está com nada dizer que que tal projeto foi aprovado à unanimidade. Se querem conferir, basta dar uma olhadela numa reunião de legislativos em qualquer parte do país.

A expressão aprovado à unanimidade não tem aprovação da gramática.

ZILDA CABRAL: NOTA DE PESAR

Portal da UERN

Por Iuska Freire -19 de março de 2021 - 09:55

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) lamenta o falecimento da professora aposentada Zilda Maria Cabral Freire Costa, 75 anos, ocorrido nesta quinta-feira, 18 de março.

A professora Zilda Maria Cabral dedicou-se à Uern durante 22 anos, lotada na Faculdade de Educação. Aposentou-se em 1995.

A Uern presta solidariedade aos familiares e amigos da professora neste momento de dor e tristeza, e registra os relevantes serviços prestados por Zilda Maria Cabral à Universidade.

Nota

Em outra fonte de whatsapp colhi que o falecimento de Zilda Cabral foi em Natal, onde estava em tratamento de saúde. Era esposa de Ramalho, do Banco do Nordeste. Era filha de Juca Freire e Adelzira. Deixa 4 filhos, todos residentes em Natal. 

A professora Zilda Cabral foi diretora do Centro de Educação Integrada Professor Elizeu Viana. Foi chefe do NURE (hoje DIREC) e foi pró-reitora da UERN. Nasceu em Upanema.

Eu não a conhecia, mas era conhecida por muita gente aqui.

Que Deus a receba nos céus!

CENTO E DEZOITO

Grande diferença

Na minha contagem, desde janeiro até agora, tivemos apenas cento e dezoito milímetros de chuva.

Só janeiro do ano passado superou os quase três meses deste ano: 146mm. E nos primeiros três meses foram mais de seiscentos milímetros.

PROVÉRBIO

Na seda mais fina é que a nódoa pega.

quinta-feira, 18 de março de 2021

UM ANO SEM AULAS PRESENCIAIS

Foi a partir do 18 de março, aquele dia em que  o decreto estadual liberava todos os que faziam a escola para casa.

E diante daquela alegria indescritível de todos, eu dizia para alguns alunos, quando indagado sobre a volta:

Não esperem tão cedo que voltemos à sala. Se era isso o que queriam, então chegou a hora.

E acrescentei: Não voltaremos antes do mês de setembro.

Alguns arregalaram os olhos como não acreditando. Foi apenas um chute. E errei. Ainda não voltamos.

QUESTÃO GRAMATICAL

Pedir para

O uso do verbo pedir, basicamente deve ser usado no sentido que quem pede, pede algo a alguém.

Em "Quincas Borba", livro de Machado de Assis, há um caso de colocação correta do verbo pedir: "Sofia novamente pediu a Rubião que advertisse na inconveniência de irem assim".

Frequentemente, seja na imprensa ou em rodas de conversas entre pessoas das mais refinadas a telenovelas, os falantes dizem mais ou menos nesses termos: "Peça para ele", e outras expressões afim. 

Desse jeito, a língua formal vai para o brejo de uma vez.


VENTO, VENTANIA

Um vento, pequena ventania passou por aqui há pouco pela tarde. Os especialistas em meteorologia devem ter algum entendimento sobre ventos e sua relação sobre o período invernoso.

De todo jeito, que, simbolicamente, os ventos carreguem todas a mazelas, todas as incompetências e tudo o que não nos ajudam a viver dignamente. 

Que os ventos levem para longe o que não é saudável!

PROVÉRBIO

Na margem do atoleiro se conhece o cavaleiro.

quarta-feira, 17 de março de 2021

EXATAMENTE UM ANO SEM AULA PRESENCIAL

Hoje completou um ano sem aula presencial na rede pública de ensino.

Houve uma quebra nesse intervalo, quando houve uns aulões para alunos da 3º série e 9º ano durante uma semana. E só.

QUESTÃO GRAMATICAL

Obrigado e obrigada

Muito fácil é explicar o uso de obrigado e obrigada.

A regrinha diz que quando o homem agradece a alguém, deve dizer:

Obrigado!

E quando a mulher agradece a alguém, deve dizer:

Obrigada!



PITADA DE ECONOMIA

Sustentabilidade

Economia é uma daquelas coisas que todo mundo entende, mas parece que ninguém entende nada.

Já que sustentabilidade é a palavra do momento, vamos lembrar que os ditos avanços que tivemos aqui e alhures não foram sustentáveis. As esmolas não ajudam a pôr de pé as pessoas por muito tempo.

Infelizmente as ideias que aparecem para melhorar a vida das pessoas são fundamentadas nas esmolas. Esmolas passam e não são, obviamente, insustentáveis. 

PROFISSÕES EM ALTA

Psicologia

Sem dúvida, as profissões ligadas à saúde continuam em alta. Medicina, enfermagem e farmácia.

Profissões ligadas à tecnologia e agronegócio não ficam para trás.

Já Psicologia é um caso à parte. Há muita gente nesse período difícil recorrendo ao psicólogo, porque o contexto está forçando a isso. O isolamento deixa os humanos em situação difícil quando não podem circular livremente.

Se eu achasse que o ser humano é um animal, eu diria que ele é um animal que nasceu para a liberdade plena.

PROVÉRBIO

Na hora h é que a porca torce o rabo.

terça-feira, 16 de março de 2021

AMANHÃ

Amanhã teremos notícias sobre um novo decreto estadual. E pretende ser mais arrochado.

PROVA DE VIDA

Prorrogado o prazo para a prova de vida até 31 de maio.

A notícia foi dada  há pouco pelo programa A Voz do Brasil.


QUESTÃO GRAMATICAL

A cal

Aposto que se perguntassem se a palavra cal pertence ao gênero masculino ou feminino, a maioria apostaria que é do gênero masculino.

Porém, entretanto, todavia, cal é palavra feminina. A cal, e não o cal.

Comprei o cal. Não. Comprei a cal.



PALAVRAS DE OTIMISMO

Dizem por aí que as palavras têm muita significação. E é verdade. Nem tanto, mas têm. 

Fazer da fraqueza força e do problema uma solução.

Quem nunca esteve na fronteira entre desistir e não desistir e arranjou forças para não desistir e deu certo no final?

Estudar um pouco. Há quem não esteja estudando nada. Lição para alunos que se veem diante de uma situação difícil, num tempo em que o estudo presencial se tornou uma tarefa impossível.

Tentar estudar alguma coisa, já que muitos abandonaram de vez o estudo e não sabem mais como voltar e se voltarão a estudar.

O pessimismo está em alta. As palavras de otimismo podem diminuir o impacto.

AUXÍLIO NO DICIONÁRIO UPANEMÊS

"Me dá um auxílio"! 

São vozes que ainda escuto do passado, digamos, remoto. Era emergencial, mas ninguém usava esse termo. Havia o auxílio, mas não institucionalizado. Veio o Plano de Emergência. Não era um auxílio pleno porque as pessoas trabalhavam para obterem aqueles tostões.

Quem pedia um auxílio estava pedindo uma esmola até pelo amor de Deus. Entre os pedintes havia, como hoje ainda há, os que pediam sem precisar.

A história se repete. Continuam os pedintes que precisam e os pedintes que não precisam do básico para a sobrevivência. É, indubitavelmente, necessário o auxílio em questão.

Auxílio: Esmola.

VOLTA ÀS AULAS

Disciplina e vacina

Volta às aulas somente com disciplina e vacina.

Não necessariamente na mesma ordem, mas disciplina e vacina ajudarão a compor essa equação do voltar às aulas presenciais.

Se o vírus perigoso é mais perigoso em escolas, que esperemos mesmo pela vacina. Por enquanto, o uso da máscara e o álcool não seria o bastante. A disciplina de todos os que frequentassem as instituições escolares seria indispensável.



A RESSACA DO CARNAVAL E O RESULTADO DO CARNAVAL LEVE

Quem tem saudade de carnaval?

Do www.gov.br/ em 18/02/2021 

Balanço da Operação Carnaval 2021 da PRF no Rio Grande do Norte

"Durante o carnaval de 2021, a PRF/RN registrou nas rodovias federais, um total de 10 acidentes, sendo seis graves, que resultou em 11 pessoas feridas e duas mortas. Em comparação com 2020, foram registrados 30 acidentes, sendo nove graves, 32 pessoas feridas e nenhum óbito.

Para melhorar a segurança nas rodovias federais, o tráfego de alguns veículos de carga foi restringido em rodovias de pista simples.

Nesses seis dias de Operação, foram fiscalizados 7.489 pessoas e 6.522 veículos. Um total de 2.844 autuações foram feitas por infrações diversas, sendo 311 por ultrapassagens indevidas, 178 pela falta do uso do cinto de segurança, 42 pela ausência do dispositivo de segurança para crianças, 128 pela ausência do capacete.

Foram realizados 1.600 testes de etilômetro, resultando em 45 condutores autuados e três presos por embriaguez ao volante. Outras 30 pessoas foram presas por crimes diversos. Quatro veículos foram recuperados durante a Operação."

:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Nos balanços, sempre há prejuízos para a população. As infrações são grandes, resultantes da pressa e embriaguez.

Por não haver patrocínio público àquela festa, o número de acidentes foi reduzido. Muita gente preferiu ficar em casa ou próximo.


NUNCA É DEMAIS REPETIR

Foco no ensino

Nunca é demais repetir que a escola deve priorizar o ensino e não a educação

Educação faz parte da escola, mas não o principal. Cabe à escola levar o conhecimento formal, através dos professores - sujeitos indispensáveis na escola.

Professor até de violão é primordial no ensino. Ensinar presencialmente é tão importante que todo mundo, inclusive os alunos que diziam detestar da presença chata do professor, sentem sua falta.

Ensinar conteúdos soa até agressivo para quem defende que a escola deve focar nos problemas sociais de toda a sociedade - dos alunos principalmente -  e não no ensino.


ESCOLA: CICLOS

"Boa parte dos alunos não possui condições necessárias para o aprendizado fora das salas de aulas. Embora as perdas sejam significativas, Getúlio Marques acredita que o ano não está perdido".

O texto acima foi publicado no G1 no passado. O secretário já falava em ciclos. 

Na prática, os ciclos vão funcionar assim: se um aluno cursa o sexto ano, ele irá para o sétimo, automaticamente, e só terminará o sexto no final deste ano.

PROVÉRBIO

Na hora do aperto é que se conhecem os amigos.

segunda-feira, 15 de março de 2021

PREVISÃO PARA AMANHÃ

Serão 23º a 35º. 

Dados do Climatempo.


PREFEITO DE NATAL E AS AULAS PRESENCIAIS

O prefeito de Natal, Álvaro dias, disse há pouco no programa Jornal das seis da 96 FM de Natal que na opinião dele as aulas presenciais devem ser suspensas. 

Vai submeter ao comitê científico a ideia de suspender as aulas presenciais.

ESCOLA: ORIGEM DA PALAVRA

De scholé, ócio. Era, na Grécia, o lugar de reunião para, em descanso, ouvir os filósofos que expunham suas doutrinas. Graças aos discípulos conquistados por esses filósofos, constituía-se em torno do mestre um certo núcleo, vindo daí à palavra a acepção de filiação a determinada corrente de ideias, donde: escola de Sócrates, de Platão, etc. Conservam-se até hoje as duas acepções acima. Há escolas literárias, filosóficas, científicas. Por escola entende-se também o local onde os jovens desocupados das demais atenções da vida, vão receber instrução e educação. Evidentemente, educação e instrução são mais antigas que a escola, pois eram recebidas no lar, nas oficinas (aprendizagem) e no próprio mundo circundante. À escola durante muito tempo foi dada apenas função instrutiva com a finalidade precípua de proporcionar o ensino em seus diversos graus. Atualmente erige-se dela função educativa em sentido amplo. Escola também é chamado o prédio escolar. (Enciclopédia Brasileira Globo, volume 4)


CUMPRIMENTO

Constatação

Basta um rápido olhar para que constatemos que a grande maioria das pessoas que vão às ruas para fazerem compras usam as máscaras. Sinal claro de que há mais gente confiando nelas e acreditando nos perigos que podem acarretar a doença do século.

COMO AS ESCOLAS SURGIRAM NO BRASIL?

Em 1549, os jesuítas chegaram ao Brasil com a Companhia de Jesus, comandada pelo padre Manuel da Nóbrega. Eles tinham o objetivo de difundir a fé católica, assim, a missão deles aqui no Brasil envolvia a catequização dos índios.

Os padres jesuítas ensinavam escrita, leitura, matemática e a doutrina religiosa. Nesse contexto, uma das pessoas mais importantes no processo de estabelecimento da educação no território brasileiro foi o padre José de Anchieta. (Site brasilescola)

O ensino da língua portuguesa aos índios era, sem dúvida, o forte da escola naqueles tempos. Hoje não deve ser muito diferente. O ensino da língua-mãe não deve se perder de vista.

VALOR DOS PREFIXOS NA LÍNGUA PORTUGUESA

O português e as línguas ocidentais, na sua modalidade escrita, incorporam grande número de elementos de origem grega, sobretudo a partir da...