terça-feira, 23 de junho de 2020

EM TEMPO DE MÁSCARAS

Em tempo do uso constante de máscaras, elas caem. 

A competência tão apregoada aos quatro ventos em tempos eleitorais, dissipa-se nos momentos críticos.

Nenhum comentário:

LÁ PARA AS DEZESSEIS

Pingaram pingos leves, para depois engrossar e voltar a ser leves e, aos poucos, desaparecer. Eis o singelo quadro que posso pintar na tar...