terça-feira, 2 de junho de 2020

TRANSPOSIÇÃO DO SÃO FRANCISCO:UMA METONÍMIA

Para quem ainda acha que a nossa amada língua portuguesa é difícil e chata, não está cem por cento sem razão, visto que todo idioma tem lá suas dificuldades porque é feito de regras. Quem gosta de regras? Ninguém. Mas é através delas que o mundo sobrevive.

São nossas conhecidas as expressões "copo d'água", "copo de leite", "copo de cachaça". Alguns cismam em não usar pois têm medo de estarem dizendo que o copo é feito de água, leite ou cachaça. Esses falantes estão usando metonímias e não sabem. 

Vez por outra escutamos que deputado tal, político tal defende a transposição do Rio São Francisco. Pois bem. Está aí mais uma bela metonímia. Se fosse ao pé da letra, estariam dizendo que defendiam a transposição do rio. Na verdade, estão se referindo às águas do rio. Ocorreu aí uma metonímia: o todo pela parte. E é uma expressão mais formal e mais aceita num texto para exames.


Nenhum comentário:

FRASE

Humor demais é como fé demais.