segunda-feira, 24 de maio de 2021

SELEÇÃO

Vivemos de selecionar as coisas.

Quando podemos, selecionamos o que queremos comer. Também selecionamos o que queremos ler e ouvir (falando em música). Mesmo com a música, nem sempre conseguimos selecionar. Estamos em um lugar por aí ou mesmo em casa, e de repente alguém aumenta o volume: rá, rá, ri, ri, ró, ró, ru, ru.

Um time esportivo também é formado através de uma seleção feita pelo técnico. Não pudemos escolher entre os vários pais e mães do mundo, em diversos países ou eras, qual seriam os nossos.

Podemos, então, através da nossa inteligência, lutar pela escolha de fazer o bem ao outro e não o mal. Lutar, sim, porque não é fácil, muitas vezes, escolher fazer o bem, ou pelo menos deixar de fazer o mal a si ou aos outros, e muitas vezes evitar não ter inveja do outro.

Nenhum comentário:

ESPANTA-MURIÇOCAS

Um vento-brisa que soprou por aqui ontem no início da noite, trouxe bons ares e serviu como um bom espanta-muriçocas.  Elas não nos deixam e...