terça-feira, 30 de setembro de 2014

ESSA TAL LIBERDADE

Os problemas concernentes à liberdade começam pelo conceito.

O que é liberdade? Devemos fazer o que bem entendermos?

E onde estão os direitos dos outros?

Temos a liberdade também de prejudicarmos os outros?

Na pista podemos sair por aí atropelando a todos porque achamos que temos liberdade?

Pois é isso mesmo o que muitos pensam sobre essa tal liberdade. Há os que chegam ao cúmulo de tirar o que é dos outros, inclusive a vida.

A rigor, nos tempos modernos não estamos com a liberdade plena nem de andarmos nas ruas com tranquilidade.

Que usemos nossa liberdade para construir um mundo melhor!

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

O GOSTO E DESGOSTO PELA POLÍTICA

Há no ser humano um misto de amor e ódio pela política. Nos tempos de descrédito nos políticos, as coisas acontecem na ordem inversa: há mais ódio que amor. E com a política e os políticos não é diferente.

A multidão de pessoas que assistiam atentamente à fala dos candidatos hoje pela manhã não nos deixa pensar que pessoas passem tanto tempo debaixo do sol escaldante e ainda não gostem daquilo.

Sei também que silenciosamente nuitos vão engrossar as estatísticas dos votos inúteis.

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

TREZE

Treze é o número de milhões de analfabetos brasileiros em 2013, revela o IBGE.

Entenda-se como analfabeto uma pessoa que não sabe decifrar o código linguístico, ou seja, não sabe juntar as letras, que se transformam em sílabas, palavras, frases, parágrafos, textos, livros, etc. 

Fora os treze, há ainda um número elevado de pessoas que têm enormes dificuldades de entenderem o que que leem.

É  como se uma pessoa soubesse ler um texto em outra língua mas não entendesse o que estava lendo.

Pois é. Há muita gente assim,. E não são poucas pessoas. Destas, são frequentadores de bancos escolares. 

domingo, 21 de setembro de 2014

QUEM SE LEMBRA?

Estive pensando esta semana sobre os jogos de bilocas que praticávamos nos anos 70 e 80. As bilocas era atiradas dentro de um buraco raso. Aliás, havia pelo menos três buracos e mais outro que chamávamos  de matança.

Quem alcançasse o último seria um matão. O matão poderia atirar contra os demais. Ganharia o que fosse combinado como algo de valor ou a própria biloca.

Às vezes jogávamos pedrinhas roliças no lugar das bilocas. Assim, o prêmio seria contos de cigarro ou outra coisa. O dinheiro não rolava de jeito nenhum. Só objetos de pouco valor.

Quem se lembra disso?

sábado, 20 de setembro de 2014

O VIVER NATURAL

O mundo tecnológico em que estamos metidos e atolados até os olhos não permite que vivamos como viviam nossos antepassados, a saber, de modo natural.

Hoje as pessoas voltaram a andar um pouco mais  com as pernas.

Houve um tempo - e não é coisa do século 19, mas finalzinho do 20 - as pessoas perderam o costume de caminhar. O resultado foi o aparecimento de doenças ligadas ao sedentarismo.

Os que se achavam chiques por andarem em carros, hoje se acham chiques em acordarem cedinho e caminharem no asfalto por obrigação atendendo a recomendações médicas.

O viver natural engloba o andar de modo natural.

Sem energia elétrica nossa sociedade não aguenta, nem um instantinho só. Para algumad pessoas até  parece que a falta da preciosa energia seja o início do apocalipse now.

O viver sem energia por algumas horas é possível, desde que saibamos  driblae esse problema.

Uma sugestão é desengavetarmos aquele velho rádio de pilha e escutarmos um programa que certamente se encaixa com cada ouvinte.

Se for pela noite, a Voz do Brasil é um programa bastante informativo.



sexta-feira, 19 de setembro de 2014

EU REPRESENTO VOCÊS

Na época das eleições os candidatos dizem representar a todos nós. Será?

O fato é que o que eles vão defender quando estiverem no poder será anos-luz do que dizem quando querem ganhar os votos.


quinta-feira, 18 de setembro de 2014

LICENCIATURA EM CIÊNCIAS SOCIAIS

Para quem está interessado em estudar Ciências Sociais na UFRN e a distância, acesse o site www.comperve.ufrn.br e veja lá o link do edital inscrição.

As inscrições vão até o dia 25.



quarta-feira, 17 de setembro de 2014

DIAS MELHORES

"Vivemos esperando
Por dias melhores
Melhores no amor
Melhores na dor
Melhores em tudo".

O poeta retrata de forma singela e eloquente aquilo que a banda do bem espera e reclama diariamente.

O trágico disso é que quando chega a oportunidade de termos os dias melhores, eles não fazem o mínimo do mínimo: o uso da mão e da cabeça de modo correto. Preferem jogar contra o próprio gol.

Assim, os dias melhores não vêm mais uma vez.


PROGRAMAÇÃO DE ONTEM

A programação de ontem da festa dos 61 anos de Upanema resumiu-se no tradicional desfile de uma banda bem cedinho, o desfile pela tarde e a entrega do bolo  da emancipação.

A diferença do desfile de ontem é que os desfiladoresnão eram necessariamente alunos, mas qualquer pessoa da comunidade.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

ANIVERSARIANTE COM A CIDADE

Quem hoje completa ano junto com Upanema é o nosso amigo conterrâneo Pedro de Freitas Bezerra, conhecido por Pedro de Manu. 
O curioso é que ele nasceu no mesmo dia em que Upanema foi emancipado politicamente de Campo Grande.

Parabéns a ambos!

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

POR QUE SORRIEM TANTO?

São poucos os candidatos que não ficam rindo a todo instante durante o período eleitoral. Há os sisudos, sérios, cara trancada, mesmo na época de pedir votos.

Mas quem disse que é preciso sorrir mesmo sem motivo?

Ou eles têm motivos para isso?

sábado, 13 de setembro de 2014

O CUIDADO COM A LÍNGUA

Na vida comum nem se nota o que falamos ou deixamos de falar no que se trata da língua formal.

Mas na vida pública, a coisa é diferente.

Não se concebe que um candidato de um alto cargo diga em alto e bom som que defende, se eleito, tornar tal coisa gratuíta.

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

TRIBUTO A UPANEMA

O espetáculo "Tributo a Upanema" será realizado hoje a paetir das oito da noite, no Teatro Municipal.

O evento é uma realização da Prefeitura de Upanema, o Centro de Referência da Assistência Social e Secretaria de Assistência Social.

Faz parte das comemorações dos 61 anos de emancipação de Upanema.


quinta-feira, 11 de setembro de 2014

GINCANA

É hoje! É hoje a final da gincana cultural, na Praça de Eventos, que contará com alguns colégios da cidade. A disputa promete ser acirrada, visto que os colégios que perderam no ano passado não vão querer repetir a dose.

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

A QUEM INTERESSAR

Nas minhas anotações do meu caderninho, colhi as seguintes informações e republico aqui para que os leitores se apropriem dessas informações que não se encontram em qualquer lugar.

"Através do decreto 11.415 e processo de nº 19.907/91 do governador José Agripino, datado de 11 de agosto de 1992, o nome da escola deixou de ser “Escola Cenecista de 1º e 2º graus José Calazans Freire” para “Escola Estadual José Calazans Freire – Ensino de 1º e 2º graus”.

terça-feira, 9 de setembro de 2014

EMANCIPAÇÃO

Começam hoje as festividades da Semana da Pátria, Upanema.

A cidade, que já foi politicamente dependente da vizinha cidade de Campo Grande, a cada dia aumentam as razões para uma festa.

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

RESGATE DA TRADIÇÃO

Há quem não dê valor à tradição e até ache que tradição é coisa sem valor.

Pois foi isso mesmo que vi ontem no desfile do 7 de setembro, promovido pela Escola Estadual Professor Alfredo Simonetti.

O resgate da tradição do desfile do 7 de setembro, sepultado pelos equívocos modernistas das novas pedagogias que acham que tudo que é disciplina é opressão, ditadura, etc. 

Agora fica uma reflexão: Será que parte da falta de disciplina nas ruas não seja falta de disciplina nas salas de aula pela falta de pequenos gestos como a cadência e a disciplina dos desfiles cívicos?


domingo, 7 de setembro de 2014

QUEM SE LEMBRA?

Quem se lembra dos desfiles do 7 de Setembro em Upanema?

O que ainda resta é o saudosismo dos bons tempos da escola e da Educação, e que éramos felizes e não sabíamos.

Naquele tempo pisava-se no solo, com orgulho e até desfilávamos só para "nos amostrarmos e vermos nossos pais, parentes e vizinhos olhando a gente na avenida pisando firme, de calça comprida e tênis Conga.




sábado, 6 de setembro de 2014

TEMPO NUBLADO

Sempre é bom falarmos de tempo nublado.

O tempo nublado nos proporciona momentos agradáveis e diferenciados dos outros dias.

Mas não custa lembrar que os raios solares estão ativos mesmo escondidos debaixo das nuvens.

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

SETEMBRO CHEGOU

A triste partida de Luiz Gonzaga retrata a passagem dos meses de forma meio melancólica.

De mês em mês, ele relata a desesperança nas experiências do inverno. Pensa em ir a São Paulo e vai, a contra-gosto.

Vivemos uma realidade diferente com a chegada de setembro. Ninguém pode esquecer e fugir de outubro que se avizinha, quando haverá mais eleições de candidatos que já foram e novamente serão e ficarão no poder para novamente se esquecerem do que disseram e voltarem de novo daqui a quatro anos.