sábado, 31 de janeiro de 2015

ONDE HOUVER

"Onde houver medo, que tenhamos desassombramento".

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

USO DO CELULAR NA SALA DE AULA

Qual a possibilidade de se liberar o uso do celular em sala de aula?

A pergunta ficará mais completa se acrescentarmos a palavra racionalmente após a palavra aula.

Aqui é onde mora o problema e o perigo da liberação total. É fato também que aos poucos vai ficar insustentável a proibição de seu uso por que ele a cada dia perde a função de telefonia para tornar-se um instrumento de pesquisa. Há até aluno que nem o utiliza como telefone, mas como ferramenta para jogos, ver fotos e sites de relacionamentos, menos para pesquisa.

Será viável, sim, se houver a cada dia mais alunos comprometidos em só utilizá-los para fins didáticos e professores preparados, que planejam suas aulas direcionadas para o uso do celular.

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

SITUAÇÃO CONFORTÁVEL

Estamos ainda em situação confortável no item água, se considerarmos os problemas crônicos em outros lugares da região e país.

Vivemos essa onda de bonança ha muito tempo. Desde os tempos das cacimbas de Lino e do leito do rio nunca faltou ao upanemense a água em abundância.

Em períodos de estiagem, exportamos água e ainda continuamos a exportá-la. 

Pena que a água seja um bem que aos poucos vai se extinguindo. Cabe às autoridades ficarem com as antenas ligadas e tomem algumas medidas preventivas para que no futuro não estejamos também em grandes dificuldades.

Que medidas? Ah! Vocês sabem mais do que eu! Recordem-se do que disseram nos palanques. É só voltarem o tape.

RODÍZIO

As palavras do vernáculo aparecem de uma hora para outra com um significado não tão usual. Depois desaparece de repente, sem pedir licença, assim como chegou.

Foi com o rodízio. Muitos até se orgulham de participar de um bom rodízio de carne. Aposto que ninguém gostou de participar de rodízios de carros na capital paulista.

Agora é o rodízio dos dias em que terão água. Por enquanto, é só ameaça, mas pode se tornar realidade o rodízio mais violento do que os outros: serão cinco dias sem água e apenas dois com água.
 
De repente esses rodízios podem se estender para a educação, saúde. Aí já será um clamor.

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

TEMPO PARA UM BOM LIVRO

Não é necessário ter dia frio para aa leitura de um bom livro. Basta arranjarmos tempo. Quanto ao lugar, cada um deve arranjar o seu.

É assim que viajamos sem sair do lugar. A leitura é uma viagem. Bela metáfora para compreendermos a leitura de um livro.

A leitura é uma viagem barata e saudável.

E o melhor, vou dizer: escolham leitura de bons escritores. Quando toparem com leituras que fazem uma péssima pontuação, cautela!

A pontuação não é nada mais do que uma disciplina da entonação. A pontuação é como uma sinalização no trânsito. Se ela estiver mal feita ou defeituosa, certamente deixará os pedestres e condutores de veículos em situação difícil.

O BRASILEIRO NÃO LÊ MUITO?

Li hoje em um desses jornais online que o brasileiro não lê muito. Fiquei a discordar, como diria o português.

Vejo que o brasileiro está lendo a cada dia mais um pouquinho. Ele lê de tudo. Quando escreve, precisa ler. Ele lê sites diariamente. A omissão estão na leitura de textos bons, consistentes, robustos.

São poucas pessoas que  conseguem ler um texto de duas páginas, num fôlego só. É a cultura do resumo. Se escreve, resume. Se ler, não tem a garra de devorar grandes porções.

A internet não está ajudando a construir bons leitores. Reduziu o número de leitores de livros em papel e aumentou os leitores de um modo geral, mas está sendo responsável por leitores defeituosos. 

HAVERÁ CARNAVAL,SIM

Ao contrário do que lemos e ouvimos, em Upanema vai haver carnaval, sim.

Convenhamos que soa meio estranho para quem mora fora de Upanema a informação de que não vai haver carnaval e chegar aqui encontrar a folia pelos óios dos paus.

Aí perguntará: o que houve? Disseram que não haveria e agora estamos vendo toda essa zuada na rua? Será que entramos na cidade errada?

Para quem é de fora deve entender esse não vai haver carnaval. É que nos últimos anos, o carnaval passou a ser patrocinado pelo poder público. E quando este não patrocina, passou-se a dizer que não haverá carnaval. 

Em tempos passados nunca tinha-se dúvida se haveria ou não carnaval. Agora o povão ficou viciado e agora não está fácil mudar a mentalidade do povo.

EM PEQUENAS DOSES

Penso aplicar pequenas doses de opiniões (uma até repetidas de anos anteriores) a partir de agora, sobre o carnaval.

Como estamos num país em que podemos manifestar livremente, vou usar da liberdade com sinceridade e responsabilidade pra dizer o que penso sobre o assunto. Focarei o tema mais voltado para a cidade.

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

QUINZE

Soube através do blog de Josiel http://profjosiel.blogspot.com.br/que quinze upanemenses passaram através do SISU, via ENEM, em primeira chamada.

É um bom número de aprovados, se levarmos em conta o ritmo de estudos dos nossos jovens. 

Deveria ser mais, mas não é. O que podemos fazer é trabalharmos para o ano que está começando e ainda nem começou o ano letivo.

BRIGA FEIA II

Há, certamente, outras brigas feias na sociedade. Não só as da pessoas com pesos demais com as balanças, mas brigas feias entre ideias políticas, religiosas e filosóficas. Há brigas de toda especie. As de interesse político de a, b e c. etc e outros et ceteras.

A briga feia que quero só mencionar hoje, sem me posicionar, é a que se refere ao não patrocínio oficial da prefeitura de Upanema ao carnaval.

De um, a decisão oficializada pelo chefe do executivo em não patrocinar a festa. Aí, seus defensores, obviamente, concordam com a atitude dele. Do outro, a oposição discorda da atitude e não perdoa. 

O maior campo de batalha são as redes sociais. Outrora seriam as esquinas, o mercado, a bodega de Coisinha e os bares.

A briga continua e se estenderá até o último dia de campanha do próximo ano. 


segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

BRIGA FEIA

Assisto constantemente, diariamente, ao vivo e pela TV, uma briga feia entre os gordos e a balança.

Quem está gordo já se sente ofendido em assim ser chamado.

A balança, como constatamos, ganha de dez na maioria das vezes para os que lutam para perder peso. O erro dos que perdem, obviamente, ocorre por causa das estratégias erradas que eles utilizam.

Para perder peso é necessário comer comidas que não engordam. Nada mais lógico, mas não é fácil, dizem os gordos.

Na prática a coisa é diferente, novamente dizem os gordos.

Há ainda outro ingrediente importante que é a prática diária do exercício físico. Esse ingrediente não é acrescentado por muitos dos que querem diminuir peso. Abro um parênteses aqui para repetir o que andam dizendo os médicos: fazer exercício não é somente para gordos. É questão de saúde e ponto final.

E a briga continua. Quando os humanos ganham, tudo bem. Mas quando as balanças ganham a luta...

HOJE É DIA DE PROUNI

Os alunos que fizeram o Enem hoje saberão o resultado do Sisu e ao mesmo tempo poderão se inscrever no Prouni.

A chance de entrar na universidade é em dose dupla.

domingo, 25 de janeiro de 2015

QUEM NÃO PODE COM O POTE

Assim define Soares Amora a palavra rodilha: "Pano que se enrola como rosca e em que se assenta a carga na cabeça".

Rodilha é o nome dicionarizado para "rodia", nome popular. "Quem não pode com o pote, que não pegue a rodia".

O ditado é ainda muito utilizado, principalmente entre os mais antigos. Apesar de não vermos mais pessoas carregando potes em cabeça, o ditado é muito atual e se encaixa muito bem em gestores que prometem o que não podem fazer.

Quando chegam lá, a administração torna-se um peso, ou seja, a administração é um enorme pote na cabeça.

Serve também para cada um de nós que queremos assumir funções, mas não podemos.

QUEM SE LEMBRA?

Em tempos em que o assunto principal que roda na mídia é a falta d'água, volto a relembrar o começo dos anos 70 em que a água era peça rara porque não chovia.

O remédio era cavar fundas cacimbas e transportar a água com galões ou barris.

Tinha gente hábil que botava o pote na cabeça  e andava com grande desenvoltura.

Havia lugares em que os carros-pipas abasteciam com água potável. 

sábado, 24 de janeiro de 2015

BARRENTA

Ao assistir ontem a um desses telejornais, captei a expressão "água barrenta".

Fez-me lembrar dos velhos tempos dfíceis, em que pegávamos aquela água barrenta - oriunda do barro.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

MAIS CHANCE

Quem não tiver sucesso no Sisu, poderá adquirir uma bolsa entre as mais de duzentas mil através do Prouni.

Sucesso!

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

MAS VAI MELHORAR

Apesar das informações dos institutos, muita gente ainda acredita que vai melhorar. E não vai tardar. Brevemente vai chover e nos esqueceremos dos tempos difíceis.

A COISA TÁ RUIM

Um dos assuntos prediletos que gosto de conversar, ouvir e escrever é sobre as chuvas. Todos os anos, quando chega o mês de janeiro, gosto de ouvir os mais experientes e suas experiência.

Uma hora é uma lua virada para tal lado. Outra vez é a formiga que aparece trabalhando. Às vezes é o canto do rouxinol.

Um amigo acolá me diz que as experiências dele apontam para um inverno ruim.

"A coisa tá preta", diz ele.

"Precisamos de chuva para tudo, principalmente para estancar os preços do do risíduos, que já estão nos ôi dos paus". arremata.

LEMBRETE SOBRE SISU

Terminam hoje o prazo para as inscrições no SISU.

A partir do dia 26, abrem-se as inscrições para o PROUNI.

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

O BRASIL DISCUTE A ÁGUA

A água está no centro das discussões toda vez que o cinto aperta. E o cinto aperta quando a seca bate, seja no nordeste ou no outro lado do país.

E quando a falta d'água ameaça a produção de energia, aí as autoridades se vexam.

O incrível é que há ainda muita água embaixo da terra esperando que a explorem.

FRASE

O preguiçoso trabalha sempre mais.

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

UMA ESPERANÇA PARA QUEM NÃO PASSOU NO VESTIBULAR

Como todos os anos, há outras chamadas fora a primeira no dia da divulgação.

Quem não passou, fique de olho colado no site da UERN para não passar batido.

Nós do programa Educando com a 104 ficaremos atentos para as outras chamadas. 

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

SISU HOJE

O Sisu começa hoje e vai até o dia 22, quinta-feira.

O Enem permite aos estudantes ingressarem numa universidade pública através da inscrição no Sisu. Permite também entrar numa universidade particular através da inscrição no Prouni.

domingo, 18 de janeiro de 2015

QUEM SE LEMBRA?

Músicas antigas

Entre as músicas antigas, recordo-me aquela cantada por Nelson Gonçalves, que diz: "sertaneja se eu pudesse, se papai do céu me desse um espaço pra voar..."

Sertaneja é o nome dessa música, que ainda criança, escutava pelos rádios dos outros.

sábado, 17 de janeiro de 2015

SISU NA SEGUNDA-FEIRA

Entre segunda, 19 e quinta, 22 os alunos que fizeram o Enem 2014 devem inscrever-se no Sisu para buscar uma vaga em Universidades públicas.



sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

SOMENTE CINCO

Até agora descobrimos que somente cinco vestibulandos de Upanema passaram no vestibular da UERN.
 
Ao fazer uma análise apressada, digo que achei poucos em comparação com os anos mais recentes.
 
Ao ponderar sobre o assunto, enxergando por outro lado, não foi tão pouco assim, visto que a oferta de vagas foi menor do que os outros anos.
 
O ENEM também pesou. Muitos optaram por ele e deixaram o vestibular. A não realização de cursinhos pré-vestibular aqui, seja patrocinado pela prefeitura ou Jornal de Upanema pesaram nesse item negativo.
 
Precisamos pensar um pouco para os próximos anos, visto que não vai haver mais vestibular e somente ENEM.
 
Também de antemão acho precipitada essa decisão da UERN e outras universidades. Nem tudo que está na moda significa uma coisa boa.

PORQUE MAIS DE MEIO MILHÃO DE ALUNOS TIRARAM ZERO NA REDAÇÃO DO ENEM

No ENEM de 2014 mais de quinhentos mil alunos zeraram a redação.
 
Por que? 
 
Entre os motivos há os que copiaram textos motivadores da prova. Outros escreveram menos de sete linhas.
 
Um outro tanto não atenderam ao tipo textual solicitado. Há textos em que as frases não têm nenhuma conexão.
 
Um motivo desconhecido de muitos candidatos é que o texto fere os direitos humanos.
 
Há outras razões mais absurdas que é a letra tão ruim, que os que corrigem não têm condições  de entenderem a letra.
 
 

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

NA EXPECTATIVA

Os alunos que fizeram ENEM e vestibular na UERN estão na expectativa de resultados.

Amanhã a UERN irá divulgar os aprovados, a partir da 16 horas. E a FM 104 também.

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

SEGUEM

Seguem as matrículas na rede estadual e municipal de ensino.

Nas escolas do estado há o moderno programa sigeduc, que facilita bastante as matrículas e também o trabalho do professor.

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

TRANSMISSÃO

A FM 104,9 vai transmitir o resultado do vestibular da UERN, na próxima sexta-feira, 16, a partir das 4 horas da tarde.

RESULTADO DO VESTIBULAR DA UERN

Segundo o site da UERN, o resultado do vestibular será na próxima sexta, 16, a partir das 16 horas, como de costume, na Reitoria daquela instituição de ensino.


MANHÃ NUBLADA

A cidade amanheceu nublada, do jeitinho que todos, imagino que todos gostam.

Há, contudo, pessoas que sentem-se incomodadas  com esse tempo bom, para todos, de novo, imagino, para todas as pessoas. Mas mesmo assim, chegam a dizer, num suspiro, que a manhã nublada é agradável.

Que continue assim por muitas horas!

SECA E CHEIA

Há um tempo em que não dá um pingo de chuva. Então, os reservatórios secam. As hidrelétricas viram notícia. Todos torcem pela chuva para que pelo menos amenize a situação.

Há outro tempo que as chuvas vêm. E não quer nem saber se vão alagar as ruas, derrubar e invadir casas, postes, etc.

As chuvas não querem nem saber se há pessoas em locais que não deviam. E quais os motivos pelos quais estão ali.

As chuvas não ligam para o fato de ser uma capital de um Estado pobre ou rico; do Sudeste ou Nordeste.

Elas não ligam nem pela falta de coerência e competência dos governos que prometeram resolver o caos urbano.

Onde estão eles nessa hora? Já não sabem mais o que disseram nos comícios?

Isso vale para as autoridades de lá e de cá. Nossas cidades alagam e se desmancham facilmente. O curioso é que as soluções só aparecem na época das eleições. No dia das grandes chuvas a coerência vai junto com elas. 

   

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

FALTA DE ENERGIA

Hoje pela tarde nossa rotina foi mudada bruscamente com a falta de energia.

Ainda bem que logo voltou.  

domingo, 11 de janeiro de 2015

QUEM SE LEMBRA?

A mais bela voz

A história da Mais bela voz da Rádio Rural de Mossoró é bastante longa. Tenho algumas recordações daquele certame, como chamava antigamente.

Upanema teve algumas pessoas que se destacaram. Coube a Clécio Azevedo trazer o troféu Sabiá em 1979. Em 1980, Upanema chegou perto do bi com uma cantora que morava em Upanema, porém, salvo engano, ela era paraibana. Seu nome era Gorete.

Ela tirou em segundo lugar, vindo a perder para Dídimo de Paula da cidade de Governador Dix Sept Rosado.

Magnos Kelle também representou Upanema. Apesar de ter sido no final da década de 90,(talvez 97) não me lembro qual sua colocação.

Valdemar Costa também foi longe. Salvo engano, ele disputou a final por Upanema.

sábado, 10 de janeiro de 2015

COISAS DA LÍNGUA

Aposentos

Chamou-me a atenção um intelectual amigo meu, observador da língua que algumas vezes ele tira sarro de pessoas que dizem:

"Lá em casa tem dois aposentos".

E ele retruca: quer dizer que lá na casa dele há somente dois quartos?

Expliquei pra ele que nossa língua permite que uma palavra tenha diversos significados. Aposento é também um benefício previdenciário. Ou seja, uma aposentadoria.

QUANDO CHEGAM AO PODER

Muitos temas que não são abordados nem de longe nos comícios e debates, vem à tona quando os políticos chegam ao poder.

Como exemplo, o corte nos gastos e a demissão de pessoas que têm cargos comissionados. É o Estado que gasta menos para poder pelo menos pagar a folha e depois poder investir.

A qualidade dos serviços públicos estão aquém do que queremos. Isso é lá no topo e aqui entre nós. Reclamamos diariamente disso, mas parece que quando chegam ao poder, uma venda é colocada nos olhos e objeto é posto nos ouvidos para que não ouçam. 

Ainda falta mencionar a danada da amnésia que ataca os políticos quando chega ao poder.

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

NOSSA BOA LIBERDADE

A nossa maravilhosa liberdade deve ser usada da maneira mais racional possível.

Então, a cada dia que teclo, penso muitas vezes naquilo que estou fazendo. Tenho muito cuidado, pois o que pode ser um grande prazer, pode se transformar num grande desprazer.


quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

VESTIBULAR

Os que fizeram o vestibular na UERN têm acesso ao gabarito e as provas em espelho.

Agora só falta o resultado.

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

SE NÃO TIVER, MELHOR

Cada cabeça, uma sentença.

É o que nos diz a sabedoria do provérbio.

Por essa razão é que tanta gente é a favor que haja patrocínio oficial ao carnaval e uma parcela seja contra.

É também fato que há interesses diversos tanto a favor quanto contra.

Para mim, se não tiver patrocínio oficial, melhor. As razões são as mesmas de quem não pula carnaval e mais algumas já conhecidas.

Já outros defendem com unhas, dentes e coração. Há sentença pra tudo neste mundo.



terça-feira, 6 de janeiro de 2015

INSCRIÇÕES NO PROUNI

As inscrições no Prouni serão a partir do dia 26 de janeiro e se estenderão até o dia 29.

INSCRIÇÕES NO SISU

As inscrições no Sisu deverão ser feitas a partir do dia 19/01.

Encerram-se no dia 22.

Somente os alunos que participaram do Enem 2014 têm direito às inscrições.

NOTÍCIA SEM FUTURO

O que para muitos é uma maravilha, eu acho algo muito negativo.

Estou me referindo ao número de feriados neste ano:11. E 10 são nos dias denominados de úteis.

Os feriados não são bons porque o país fica sem produzir. E muitas pessoas quando ficam sem fazer nada, viajam nos feriadões. Muitas vezes para nunca mais voltar.

Ainda falta contabilizarmos os feriados locais e regionais.

Não deixa, porém, de ter um lado positivo. É também tempo de descanso.

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

COMEÇAM AS MATRÍCULAS

As matrículas na rede estadual começam hoje, mas somente para os que já estudava no mesmo colégio no ano passado.

A partir de 9 de fevereiro, para os alunos novatos.

domingo, 4 de janeiro de 2015

QUEM SE LEMBRA?

Por onde andam os percevejos? Não é que eu queira topar com um ou muitos, como antigamente.

Mas a pergunta acerca do desaparecimento dos percevejos é pertinente.

Há anos que não vejo um. Só não atino para a razão do seu maravilhoso desaparecimento.

Algumas conjecturas podem ser feitas como o crescente número de materiais de limpeza e inseticidas em todos os quadrantes das casas e a quase extinção das casas de taipa.

Será?

sábado, 3 de janeiro de 2015

A VIDA É TÃO CURTA

A vida é tão curta que não vale a pena que nos preocupemos com coisas tão pequenas. Pequenas em mesquinhês ou coisas do gênero.

Devemos nos preocupar, sim, com coisas grandes do tipo "mudar para melhor" e "servir mais que ser servido."

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

AS MEDIDAS

As medidas administrativas em início de governo sempre atingem em cheio e de forma negativa a população mais pobre.

É o que vamos sentir nesses dias. 


quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

DIA MUNDIAL DA PAZ

Hoje é dia de refletirmos sobre o tipo de paz que queremos. É a paz sem o uso de armas ou queremos a paz com todas as armas, inclusive a ideológica?