sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

O CANCÃO VAI PIAR?

A expressão acima serve para ilustrar momentos em que as coisas vão arrochar, complicar-se, chegou a hora da onça beber água e outras expressões semelhantes.

Um tema que sempre repito à exaustão é a seca. É fácil explicar por que faço isso constantemente. Sou vítima dela pelo menos em dois momentos: em 1970 e 1983.

Na primeira, tinha apenas cinco anos, mas ela foi tão cruel que deixaou marcas no corpo e na memória. Os carros-pipas que vejo por aqui e na TV é um filme que assisto novamente. Como já escrevi neste blog, a água vinha das bandas de Açu. Num dia da semana a gente esperava a água potável. As cacimbas muito fundas era um arremedeio.

1983 foi o replay daquela época. A diferença é que os governos já fizeram outros planos de emergência talvez um pouco melhor. Não sei bem. Como já era crescido, dava pra aguentar o pancão.

Agora a cena se repete: há açudes  pelo Estado que já não tem mais água.

A esperança para o povo vem de cima, porque daqui de baixo os governos não têm o que oferecer. Nos palanques eleitorais eles dizem a fórmula. Quando chegam nos gabinetes, uma amnésia das malvadas atacam-lhes de uma forma cruel.

Pelo visto, se não chover logo, o cancão vai mesmo piar.


Nenhum comentário:

A PROPÓSITO, O QUE É CLIMA?

Conceito geral : É o conjunto de fenômenos meteorológicos que caracterizam o estado médio da atmosfera num determinado ponto da superfície t...