sábado, 31 de dezembro de 2011

MAIS UM ANO SE PASSOU

Não tem jeito. Todo final de ano é a mesma história de prometermos a nós mesmos aqueles ajustes na nossa conduta. Os gordos prometem comer menos. Já os magros vocacionados, nem adianta comer mais porque não cola. 

Os estudantes deveriam prometer procurarem entender o seu papel na escola. Claro que não é um papel passivo. Muito pelo contrário. A razão de a escola existir são eles. O papel deles na escola é se colocarem no lugar de aluno e não de diretor ou de ministro da Educação. Estes que assim se comportam não têm se dado tão bem quanto se estivessem cumprindo seu papel de aluno. "O discípulo não é maior do que seu mestre", disse um dia o Mestre.

Os professores devem conhecer o seu papel. Seu papel também é de ensinar. Ele é mediador da aprendizagem porque tem mais experiência que o aluno.




AS AUTORIDADES

Qual o papel de uma autoridade? Ele está para o quê mesmo? Para dominar e mandar? Às vezes é preciso isso, porque os humanos gostam de desobedecer regras e ultrapassar limites. 

O papel de uma autoridade é fazer funcionar com precisão aquilo que ela administra. Se é uma escola, fazer tudo acontecer da melhor forma possível. Isso também serve para uma sala de aula e uma prefeitura.

Todos devem fazer o maior esforço possível para tudo sair da melhor forma possível.

COMEÇO E RECOMEÇO

Na vida erramos e queremos recomeçar, mas não sabemos por onde dar início. Pensamos em desistir e termina tudo perdido. Ficamos desesperados pelas perdas, derrotas, aflições e decepções.

Assim, acabamos nos conformando de tudo o que aconteceu. Não é assim e pra tudo tem um recomeço. (menos pra morte) não sentimos a velocidade das aventuras, do amor que no final de todas as derrotas há um sorriso, mas quando não acontece, os nossos corações entre dois segundos ele “corre” desesperadamente como se fosse um vaqueiro galopando em seu cavalo desesperado, assim como um boi peado.

Abra os braços, deixa o vento entrar em sua janela para vir a esperança. Deixa errar e comece. Se não deu, recomece. (Assim vivem os poetas)

(Texto enviado por Aline Mendonça, aluna da 1ª série “C”, Ensino Médio, da Escola Estadual José Calazans Freire.)

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

PREFEITA DEVERÁ MARCAR REUNIÃO COM EMPRESA EXPLORADORA DE AREIA NO MUNICÍPIO

A prefeita Maristela deverá marcar pra próxima semana uma reunião com os diretores da empresa Lino Brita. A empresa recebeu uma autorização do IDEMA para exploração de uma jazida de areia do rio, aqui no Rio Upanema. O transporte do material tem demandado uma grande quantidade de veículos tipo caçamba, circulando na área urbana e danificando as ruas.
 
Para tentar achar uma solução para o problema, a prefeita tem a intenção de conversar com os diretores da empresa. A prefeita acredita que através do diálogo poderá encontrar um modo do município e a população não ser prejudicada.



quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

OUVI FALAR

Ouvi, assim por acaso, que o caldeirão da política local vai dar uma pequena fervida. Talvez nem chegue a isso. Talvez vá ficar morno, pois a coisa está muito gelada, disse uma pessoa acolá.

Não sei exatamente o que vai haver mesmo, pois a pessoa acolá não disse além do que vou dizer:

- Vai haver uma coisa relacionada ao 22. E por sinal, no dia 22 de janeiro.


quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

PROMESSAS PARA 2012 II

Na área política, cada um de nós deveria prometer que no próximo ano não iria se comprometer e se meter demais na política mesquinha, baixa, enganatória, enrolatória e outras tórias que não me atina neste momento.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

O BRASIL QUE A GENTE QUER

Um Brasil sem violência,
Um Brasil sem criminalidade,
Um Brasil com honestidade,
Um Brasil com mais amizade.

O Brasil que a gente quer é o que é melhor para todos.

Um Brasil chamado de Paraíso, destacado por sua qualidade.

O Brasil tá pedindo amor, tá querendo paz, tá a fim de liberdade.

Um país tranquilo, que d~e pra desfrutar da bondade da natureza que o presenteou com um monte de maravilhas.

Mas, o que está faltando para tudo isso sair dos sonhos e virar realidade?

Ah! O Brasil que a gente quer é a gente quem faz. Vamos lá! Está na hora de agir. E cada um faz sua parte, e o Brasil será, sim, o melhor de todos.

(Ezaianny, aluna da 2ª série A, da Escola Estadual José Calazans Freire)

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

PROMESSAS PARA 2012 I

Uma das promessas que todo mundo deveria fazer a si mesmo para sua concretização em 2012 seria tentar ser melhor do que em 2011, em todos os quadrantes da vida. 

Só isso já resumiria tudo o que vou escrever nos próximos dias. 
Entretanto, para não ficar no resumo, direi:

Na área da Educação, todo professor deveria prometer a si mesmo que daria o melhor de si na sua atuação. Os alunos deveriam prometer que no novo ano letivo prestariam mais atenção ao seu papel como estudante. Que exigiriam mais do professor, para que este desse um pouco mais de si.

CONTAGEM REGRESSIVA

Cinco dias separam dois mil e onze da chegada de dois mil e doze. Há quem faça desse período um momento de expectativa exagerada. Não precisamos disso. 

Daqui a poucos dias nem sequer nos reportaremos a esse momento. Dois mil e doze virá e logo passará também. Em dois mil e treze haverá novo prefeito, que já vai pensar na sua reeleição e no seu candidato que o sucederá. 

O tempo é mágico e ninguém sabe explicá-lo.

domingo, 25 de dezembro de 2011

VOTOS DE BOAS FESTAS

Todos os anos, no Natal e Ano Novo eu relembro do dia em que recebíamos na nossa casa um cartão de boas festas enviada por um político potiguar. 

O político desejava votos de boas festas e feliz ano novo para a família.

Um de meus irmãos, ao ler a mensagem, bem sério assim se expressou:

- Tá vendo? Ele quer é voto! (No ano seguinte teria uma eleição).

ENTÃO, É NATAL !

Então é Natal, e o que você fez?
O ano termina, e nasce outra vez
Então é Natal, a festa Cristã
Do velho e do novo, do amor como um todo
Então bom Natal, e um ano novo também
Que seja feliz quem, souber o que é o bem.

(Simone)

sábado, 24 de dezembro de 2011

O MARAVILHOSO S. BERNARDO

S. Bernardo é mais interessante do que eu pensava. É maravilhosa sua história. É uma história dentro de outra. Metalinguagem, dizem os estudiosos.

Seu autor, Graciliano Ramos, preferia chamar S. Bernardo, no lugar de São Bernardo, como foi publicado em algumas editoras.

S. Bernardo é um romance do alagoano Graciliano Ramos, que foi também prefeito. Antes de tudo, praticamente é conhecido pela publicação de Vidas Secas.

São Bernardo é superior a Vidas Secas por seu conteúdo abordar várias assuntos relacionados à vida humana, como a política, a existência. Incrível, mesmo!

O interessante de S. Bernardo é sua semelhança com o filme. Há trechos que são literalmente iguais ao filme. 

Vale a pena lê-lo e assistir a ele. É uma boa dica de leitura para quem quer conhecer mais o mundo literário e este que cá vivemos.

NOTÍCIAS DA SESSÃO DA CÂMARA II

A mais recente reunião da Câmara de vereadores ainda vai render muitas conversas e muitas tecladas. A não aprovação da redução dos dias de recesso dos vereadores causou escândalo no seio da sociedade. Não a mim. 

Considerando que o trabalho dos edis não se dá apenas no plenário, os dias de recesso em vigor não são exagerados. Mesmo que de forma equivocada, (como trabalhos que não são de suas alçadas: doação de remédios, etc,) há vereadores que atuam muito mais fora do que dentro. Uns dias a menos não vão melhorar a imagem do legislativo. Assim creio.





sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

NOTÍCIAS DA SESSÃO DA CÂMARA

A sessão da Câmara de hoje girou em torno de praticamente um assunto só: a aprovação de um requerimento do vereador Nonato Garcia. No fim das contas, não foi aprovado.

Nonato queria que a Câmara aprovasse a redução dos dias de recesso dos vereadores. Não sei o placar da votação porque não estava presente. Só sei que a maioria não concordou com Nonato.


APENAS UM SUSTO

Um grande susto sofreram os alunos da UERN que iam no ônibus ontem à noite. 

Um grande susto, apenas, porque em todo acidente automobilístico agradecemos a Deus quando não há prejuízos humanos. O susto é pouco, se considerarmos o impacto de uma barroada de um ônibus com um animal.

O que fica como reflexão é a mesma de sempre. Sempre procuramos os culpados. E dessa vez quem tem culpa são os mesmos: o dono do animal. O que faz uma vaca numa pista às seis e trinta da noite? Ela vai estudar o quê? Quem é o dono dela? Onde está ele?


quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

TEMPO BOM

E bote bom nisso. Boníssimo. O tempo passou de muito ruim - pegando fogo - nesta tarde, para uma amenidade. 

Uma breve neblina desceu sobre a cidade e produziu aquele clima mais agradável, como um ensaio para a chegada do período chuvoso.

EM TEMPOS DE FIM DE ANO LETIVO E DE VESTIBULAR

Nunca é tarde para se aprender. Uma das dicas para quem pensa no futuro pela via da escola é meter os olhos nos livros, bater a poeira e dar a volta por cima.

Uma das dicas para quem estuda é ter ao lado, sempre, sempre, um ou mais dicionários e dos bons. Ele, que muitas vezes é apelidado de pai dos burros, injustamente, diga-se de passagem (não se esqueçam como se escreve "diga-se de passagem"), é fundamental na mesa do estudante.

Não se envergonhem de tê-lo ao lado. Afinal, a gente não nasceu pronto. 

O dicionário é muito importante principalmente na vida escolar dos adolescentes, pois eles ainda estão formando o seu vocabulário. 

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

PREVENÇÃO CONTRA HANSENÍASE

Uma equipe do PSF 1 esteve ontem pela manhã nas duas escolas estaduais de Upanema fazendo um trabalho de orientação acerca dos perigos da Hanseníase.

Houve uma distribuição de um folheto, de sala em sala. 

O trabalho feito pela equipe pertence ao PSE (Programa de Saúde na Escola).

E qual a razão dessa campanha de orientação?

Um agente respondeu:

- É que em Upanema há pelo menos três pessoas com a doença. Então, faz-se necessária a prevenção, para que não se alastre, visto que a doença é contagiosa.

Como se reconhece a doença?

- Através de:

Manchas dormentes, na pele, esbranquiçadas ou avermelhadas em qualquer parte do corpo;
caroços e inchaços no rosto e nas orelhas;
dormência nas mãos e nos pés.

O que fazer?

- Procurar o posto de saúde mais próximo de sua casa para iniciar o tratamento, que é gratuito.


terça-feira, 20 de dezembro de 2011

FEIRA DO EMPREENDEDOR

A Escola Estadual José Calazans Freire juntamente com a Secretaria de Educação do Estado promovem a II Feira do Empreendedor, mais conhecida como a Feira do Despertar.

Durante alguns meses, o professor Luiz Gonzaga e alguns alunos selecionados pela escola  -  razão maior da feira - trabalhou-se o tema do empreendedorismo. 

Hoje culmina com a feira, que será aberta a partir das 14 horas, em frente ao Calazans, na Avenida Getúlio Vargas, e estender-se-á até as 21 horas.

Haverá duas barracas: uma dos salgados (salty) e outra dos doces (candy).

A comunidade é convidada a comparecer e a comprar também.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

DIA DE FEIRA

O dia da feira de Upanema sempre é dia de movimento, ainda que grande parte das pessoas vá para lá só para olhar as coisas.

É o clima da feira. De todo jeito, não há quem não venda um dindim, um cedezinho, um espelho. 

A feira de Upanema, caminha há muitos anos, com sucesso. Só há um transtorno para os que se aproximam a pé: há carros demais no meio do asfalto. A solução estava a caminho, mas uma coisa atravessou no meio e... pronto! Tá feito o problema!

domingo, 18 de dezembro de 2011

QUEM SE LEMBRA?

Paiol, segundo o historiador Raimundo Nonato, é um depósito de munição. Também quarto da casa onde se coloca o algodão e o milho desbulhado. Caixão de guardar farinha de mandioca de uma safra para outra. Lugar de botar rapaduras. Depósito de mantimentos. Despensa. Barriga. estômago.

Nós por aqui costumamos utilizar a palavra paiol de uma maneira diferente: paió. Também a palavra só é utilizada no segundo sentido do que definiu o historiador Raimundo Nonato:  quarto da casa onde se coloca o algodão e o milho desbulhado.

Nas safras históricas dos anos setenta, na Baixa do Juazeiro, ainda criança, não me lembro se tínhamos o paió, mas a palavra ainda está na memória.

O paió ficou tão popular que em Upanema temos dois cidadãos conhecidos por esse nome. Assim, o nome de comum passou a próprio.


sábado, 17 de dezembro de 2011

É VER E CRER

Depois das recentes informações sobre o início da construção da BR 110, vamos esperar pelo início da obra para que possamos dizer:

- Só creio porque estou vendo!

MAIS UMA FRASE DE OTIMISMO

"Até um chute no traseiro poderemos interpretar como algo positivo". 

Evidentemente que ninguém quer levar um.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

VISITA À MARIA GORETE

Estive esta tarde na Escola Municipal Professora Maria de Carvalho Macedo na companhia de um dos diretores, o professor Diógenes Matoso. 

Lá pude observar a estrutura da escola, incluindo a sala de recursos e a de  informática. 

Sabemos que para ser uma escola do jeito que propõem os grandes educadores, está a anos-luz, tendo em vista a estrutura física deixar muito a desejar, se levarmos em conta que marchamos para a escola de tempo integral.

Do outro lado, percebe-se que ela marcha lentamente numa melhoria acanhada, mas é já alguma coisa. Queremos muito mais. Mais mesmo! Disso ninguém tem dúvida.

FRASES DE OTIMISMO

"Não deixem que os outros puxem você pra baixo".

"Você tem fome de quê? Tem fome de entrar na Universidade e ser um verdadeiro benfeitor do Brasil? Ou está com aquela fome negativa daquela multidão que a cada dia se forma e forma outros do mesmo jeito?"

NOTÍCIAS SOBRE A BR 110

A cena abaixo aconteceu (porque foi sem combinação prévia) recentemente numa padaria de Upanema. 

- E a BR agora sai mesmo?

- Sim, agora sai mesmo!

- E por que ainda não saiu ainda? 

- Por causa daqueles problemas que houve com aquele ministro. Você sabe cumé, né?

- Sim. Então agora sai mesmo!

- Sim. Sai.

O diálogo acima foi entre um servidor da empresa que vai construir a BR e um cidadão, simples eleitor, ligadíssimo a um político acolá. 

Pelo tom da conversa, a coisa agora não é para brincadeira. A BR vem. Só não sabemos de que lado vai começar.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

FUTURAS MAMÃES GANHAM KIT PARA BEBÊS

O programa criado pela Secretaria de Urbanismo e Ação Social, desenvolvido em parceria com a Secretaria de Saúde, “Gravidez saudável, parto feliz”, realizou de forma simbólica ontem, a premiação das mães que estão participando ou participaram do programa, com a entrega de kits para recém nascidos. O programa tem o objetivo de oferecer a gestante o apoio multiprofissional melhorando a qualidade da assistência no pré-natal, através de atividades educativas de informação e prevenção a saúde com assistência ao parto.

A secretária Ana Maria Fernandes informou a assessoria de imprensa da PMU que os kits são entregues àquelas mães que freqüentaram as palestras do pré-natal e que receberam as informações oferecidas pelas assistentes sociais, nutricionista, fisioterapeuta e enfermeiras. “É uma forma simples de motivar as mães a participarem do pré-natal. Elas recebem o kit no final de sua gestação, entre o 7º e 8º mês”, explicou.

O kit oferecido pela Prefeitura Municipal de Upanema contém fraldas descartáveis, roupa para bebê, produtos de higiene, meias, sapatinhos, sabonete, toalha. A prefeita Maristela estava presente e disse que quanto mais formas de motivar as futuras mamães a participar do pré-natal melhor. “É no pré-natal que as mães conhecem melhor como funciona o seu corpo no período da gravidez e também podemos detectar futuros problemas, que poderiam causar morte materna ou da própria criança”, afirmou.

FONTE: Sec. de Turismo e Comunicação – www.prefeituradeupanema.blogspot.com

NATAL FAÇA UMA CRIANÇA FELIZ

Será realizado hoje à tarde na Praça da Criança, o segundo “Natal, faça uma criança feliz”. O evento é organizado pela administração Avançando com Resultados, mas conta com o apoio fundamental de entidades religiosas como as igrejas Assembléia de Deus e Católica.

Além das igrejas, o comércio local e a população em geral também têm apoiado bastante o evento, doando brinquedos para as crianças carentes do município. A expectativa é de que mais de 2.500 brinquedos sejam entregues no evento. Além disso, as crianças poderão passear no trenzinho e brincar na cama elástica, além de receberam pipoca, picolé etc.

A festa está marcada para às 16:30h na Praça da Criança.

FONTE: Sec. de Turismo e Comunicação – www.prefeituradeupanema.blogspot.com  

QUEM É QUEM

O quem é quem na política funciona tanto nos candidatos e apoiadores quanto nos eleitores comuns. Enquanto lá em cima eles se agasalham, aqui embaixo a coisa também funciona no mesmo ritmo. Talvez com mais intensidade.

Só não dar para a gente conhecer perfeitamente como a coisa está. Só o que pode dar um roteiro disto é a pesquisa de opinião. Ela dá o rumo da situação. Não quantifica exatamente como está, mas dar um norte da situação dos eleitores. 

Quem deve cuidar disso são os postulantes a cargos. São eles os únicos interessados no assunto. Lá em cima já estamos vendo quem está está do lado de quem. Das bandas de cá, o negócio é mais obscuro. Só uma pesquisa é que pode lançar luzes, repito.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

PARADÃO

Paira no ar um clima paradão na política local. Pelo menos é a impressão que tenho. Às vezes, as pessoas se avexam e comentam tanto sobre o tema que o caldeirão esquenta. Nesses dias, o que mais se falou, mais uma vez, foi sobre o asfalto.

- Agora sai mesmo!

Deu até para a gente vê as máquinas trabalhando e uma boa parte já feita. Mas não! Tudo continua como antes!

Já a política... há um clima paradão na superfície, mas nos bastidores, não. Os pauzinhos estão se movendo a toda hora. Tô sabendo!

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

DO VELHO CADERNO

No dia 13 de dezembro de 2003 eu escrevia no caderninho:

Estamos marchando para o fim do ano. 2004 vem aí com muitas velhas novidades. A campanha política é um ingrediente novo na cidade, mas já sabemos como será a campanha, o que cada candidato vai dizer, prometer e não fazer porque não podem.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

UM NOVO GÁS

Depois da revitalização da Feira de Agricultura Familiar, (dia 28 de novembro) já podemos ver uma feira mais alegre, se compararmos aos dias que antecederam a revitalização.

Os produtos são vendidos na sua totalidade. Essa foi a impressão que tive. Aliás, vi até um proprietário de banca dizer que tinha vendido todos os produtos.

A festa do dia 28 trouxe um novo alento e gás para os feirantes. Aos consumidores, o consumo e o incentivo.