sábado, 31 de agosto de 2019

CIDADE MOVIMENTADA

Para escolher

A cidade hoje está bastante movimentada hoje à noite.

Mesmo assim, muitas pessoas ainda não vão para nenhum evento e ficam em casa.

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

CONTADOR DE HISTÓRIAS

Hoje a cidade relembra Juvenal Medeiros, o professor de História que contava histórias nas aulas e fora dela.

Faleceu há dezessete anos.

UMA VEZ

A Libertadores mexe com as torcidas pró e anti.

Mais uma vez os anti padecem.



quarta-feira, 28 de agosto de 2019

INTESSERANTE

Muito intesserante mesmo...

Muitas coisas desse mundão não são interessantes, mas intesserantes. Elas existem, porque existem, mas não servem para nada.

DEZESSETE

Martins de Moura nasceu aos 14 de dezembro de 1964. Viveu parte de sua infância num pequeno povoado onde nascera: Riacho da s Carnaúbas, município de Upanema-RN.

Sempre foi uma pessoa recatada desde criança. Sua fiel companhia era seus livros e escritos que começara a rabiscá-los ainda na pré-adolescência.

Concluiu o Ensino Fundamental em Upanema, submetendo-se ao vestibular no ano de 1990, obtendo sucesso. Aprovado no curso de História pela UERN, licenciou-se em 1993.

Licenciado em História, professor, poeta, foi também Secretário Municipal de Educação, Cultura e Desportos.

Em agosto de 2002, nos deixou. Sua passagem entre nós foi rápida, mas certamente deixou um pouquinho de si.Plantou alguma semente em cada aula, em cada gesto, em cada palavra...com certeza germinará...o tempo dirá...

(Sobre o professor Severino Ramos Martins de Moura, do livro póstumo"Doces recordações do meu passado", de sua autoria) 

SER ARTISTA

Ser artista é caminhar sozinho
sob uma abóbada iluminada...
enquanto mais curtido, o vinho...
doce mais é nossa cavalgada.

Nessa vida nós nos defrontamos
com os contrastes mais diversos...
porém pra sorrir, necessitamos
...sermos felizes até quando dispersos.

Não entristecer quando cairmos
nem chorar também com as perdas...
é um não querer sentir quando sentirmos
é não ser contrário quando invertas.

(Do livro "Doces recordações do meu passado") 

Severino Ramos Martins de Moura era professor de História na Escola Estadual José Calazans Freire. Fora também professor dos anos iniciais na Escola Estadual Professor Alfredo Simonetti.

Faleceu há exatamente dezessete anos.


PODCAST: UMA VOLTA AO PASSADO

Podcast, apesar de ser moderno, não deixa de ser uma volta ao passado, semelhante ao rádio Am. O que na verdade se assemelha com o rádio Am é o programa feito somente com som e não imagens.

A diferença é que não é ao vivo. Os podcasts são gravados.


terça-feira, 27 de agosto de 2019

O QUE DIZ O CUMARU

O cumaru está florando, disse um agricultor sobre o futuro no item chuva do próximo ano.

Assim sendo, vai chover bem no próximo ano.

NUNCA NA HISTÓRIA DO PAÍS

Nunca na história do país a Amazônia foi tão badalada como agora em tempos de queimadas.

segunda-feira, 26 de agosto de 2019

CONVERSA DE DOIDO

" Se a carnaúba fulorar muito é sinal de bom inverno"?

"É".

"E se não fulorar de jeito nenhum"?

"É melhor ainda".










GOL DE BICICLETA

No calor do clima do gol de bicicleta do flamenguista ontem perguntei a um senhor:

"Já fez gol de bicicleta"?

"Não fiz nem de moto, imagina de bicicleta."

AÇALTO

Assaltaram a ortografia.

MASTER

Um dos xodós dos brasileiros na programação da tv é um programa de cozinha.

Veio numa época em que as pessoas não são muito acostumadas a cozinhar, mas a comprar feito.

domingo, 25 de agosto de 2019

REMINISCÊNCIAS

Lá vem o soldado!

A presença de um soldado em um local era respeito na certa. Os meninos corriam em direção oposta ao vê-los.

Havia plantão nas ruas. Os desfiles de sete de setembro eram comandados por soldados.

Bons tempos!

Parabéns, soldados!

QUEM SE LEMBRA?

Bule

Se quisermos ver um bule teremos que pesquisarmos no Google ou assistirmos a filmes ou novelas antigas.

Os bules mais antigos que conhecemos eram de barro. Depois apareceram os de porcelana. 

Uma geração abaixo da minha poderá indagar:

- Um café ou chá servido em bule não esfriava logo?

- Não. Não dava tempo, pois a família do passado lanchava, almoçava e jantava reunida. E se mais tarde queria tomar café novamente, botava água pra ferver e servia quentinho. 

sábado, 24 de agosto de 2019

CINQUENTA E QUATRO FRASES ACIDENTAIS

1- Dizem que mudamos de ideia de cinco em cinco anos.

2- Depois de andar muitos anos na esquerda, agora comecei a pender para a direita.

3- A vida é boa, principalmente para quem a ela dá valor.

4- Não existe a palavra menas, nem na língua vernácula, nem em nenhuma outra língua.

5- Vivemos em uma geração em que é priorizado o visual em prejuízo do escrito.

6- Os valores não têm mais valor como outrora.

7- Viver é uma arte.

8- Hoje o conceito de arte não é o mesmo.

9- Acho que nem o homem nem a mulher foram à lua.

10- Dois iguais não progridem.

11. De ca ninguém morre.

12. O mundo precisa de administradores e não de gestores.

13- As escolas necessitam mais de professores do que de educadores.

14- Todos os anos, num tempo determinado, em lugares diferentes, o planeta aquece.

15- O melhor livro é o  que te ensina a viver.

16- Dizer que a maior torcida do Brasil é a do Flamengo , é uma inverdade. A maior torcida do Brasil é a contra o Flamengo.

17- Quem anda pela esquerda ou mata ou morre.

18- O fogo na Amazônia logo se apagará. Deixa a chuva chegar pra ver uma coisa.

19- O apressado come cru ou fica engasgado.

20- Vamos descobrir juntos as causas do fracasso da educação brasileira?

21- Entrada gratuíta é demais!

22- "Banana é a pior fruta, pois não tem caroço", sentenciou um humorista popular dos nossos.

23- Textos mal pontuados fazem parte das trapalhadas dos escreventes na internet.

24- Pão dormido não acorda nunca.

25- O otimista se levanta da cama, ainda que esteja com dificuldades para isso.

26- O pessimista demora muito para levantar-se da cama.

27- Exercício de memória: Quantos Fernandos o Brasil já teve como presidente da república?

28- O que sustenta uma cidade, um estado, um país?
alternativa a: festas, políticas públicas
alternativa b:  agricultura

29- "Agosto, mês do desgosto" é o ditado mais sem consistência que já ouvi.

30- Cadê as olarias de Upanema? Será falta de barro ou gente para olariar?

31- Para onde foram as ideias do políticos propagadas nos palanques no item emprego?

32- Por que escrevem tanto concerteza e com nosco assim?

33- Na pisadinha, Upanema está formando um bom número de advogados e médicos.

34- E por falar em advogado, por que se diz tanto adevogado?

35- Nesses últimos anos, já vi de quase tudo. Não se fala mais em sexo, mas em gênero.

36- Os falsos cognatos são menos ofensivos do que os falsos amigos.

37- Repita aí: paralelepípedo.

38- Agora diga: oftalmotorrinolaringologista.

39- Sou do tempo em que as pessoas apelidavam a televisão de tiravisão.

40- O saneamento parece que agora sai.

41- Quem de vocês conheceu pessoalmente uma radiola?

42- Dois e dois são cinco somente na música de Caetano Veloso.

43- Anda bem que o livro digital não pegou.

44- Será que vai haver Tributo este ano?

45- Uma abelha zoou no meu ouvido que não.

46- Estudar endoida? Endoida quem vai à escola e não estuda.

47- Disse-me uma pessoa acolá, sem que eu perguntasse, que conheceu um homem que comera cinquenta bananas e uma lata de doce.

48- Aguenta essa aí: aguenta não tem mais trema.

49- Por que atetu não tem acento?

50- A palavra mais fácil de se pronunciar em inglês é I. Se estiver com dor, mais fácil ainda.

51- Ele chegou em casa e a porta estava cerrada. Como perdeu a chave, serrou.

52- Quem espalhou a conversa de que a água vai se acabar?

53- Qual o privilegiado desse mundo que nunca cometeu uma gafe?

54- Já viram uma coisa mais braba que a tosse braba? Se viram, é porque nunca tiveram uma.

POEMA

Senhorita

Tudo de bom deste mundo
A ti desejo.

Que estejas
No melhor dia
Para sonhar
Para inspirar-se
E aos outros inspirar.
Para sentir bem o dia
E fazer poesia.

Para cantar o mundo
Para sentir as pessoas
Gestar e fazer gestos
Dos bons a todos.

Desejo, senhorita
Que rompa com quem precisar
E acolha quem merecer.

sexta-feira, 23 de agosto de 2019

MUITO MAIS DO QUE ISSO

Na escola o ensino-aprendizagem é muito mais importante que a educação.

FOCO

Foco é palavra antiga, mas carregada de muito significado.

Sem foco nada funciona direito. Sem foco a gente não acerta nem o caminho de casa.

Sem foco não saberia nem começar estas mal alinhavadas linhas.

quinta-feira, 22 de agosto de 2019

TIMOTES E TIMOTEZAS

Uma timoteza é praticado por um timote, obviamente.

Pois é isso mesmo que ocorre nas redes sociais. As timotezas são acessadas e compartilhadas por um bom número de internautas.

Se querem ter sucesso, postem uma timoteza. Milhares de visualizações na certa.

quarta-feira, 21 de agosto de 2019

JOGOS ESCOLARES

Mais um ano dos Jerns. Contabilizaremos e depois postaremos os nomes dos vencedores de nossa cidade.

terça-feira, 20 de agosto de 2019

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

NÃO DEU PARA O TIME DE UPANEMA

"A vida é luta renhida, que aos fracos abate, e aos fortes só faz exaltar."

A frase acima serve para todas as pessoas que lutam e perdem uma batalha, mas de cabeça erguida.

SEGUNDA-FEIRA É DIA DE LUTA

Primeiro dia útil da semana, segunda é dia das pessoas que trabalham e lutam pelo ganha-pão.

Para constatar isso basta darmos uma olhadela na feira. Há muita gente vendendo muita coisa.

domingo, 18 de agosto de 2019

DIA DECISIVO PARA UPANEMA

Upanema decide a final da Copa Oeste hoje em Mossoró.

QUEM SE LEMBRA?

Fakes

Quem se lembra dos tempos em que os fakes eram  produzidos por pessoas comuns e estava longe de existir a internet?

E que fake era um boato produzido dentro de um bar, um jogo de baralho, uma farmácia ou qualquer ponto da rua?



POEMA

Descontentamento

Teu amor é efêmero
Como chuva de verão
Quando sinto, já se foi
Dexando-me na solidão.

A saudade é perene
Sufoca meu coração
Rouba-me os sonhos
Selencia minha canção.

Júlia Costa


sábado, 17 de agosto de 2019

QUE PALAVRA!

Cabido: Corporação dos cônegos de uma catedral. (Aurélio)

No linguajar regional, cabido é quem é enxerido, no sentido de tirar cabimento com outros. 

Cabimento o que é?

Dizer palavras imorais ou cantadas em pessoas, tudo no sentido sexual, de namoro.

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

O SOL

É pra lá que eu vou.

É o que tudo quer quem vive em lugares frios e o que não quer quem mora em lugares quentes como nós.

quinta-feira, 15 de agosto de 2019

ESMOLA

Esmola é uma coisa que todo mundo acha feio a pedição, mas, quando conveniente, apoia com toda força.

"Uma esmola pelo amor de Deus
Uma esmola, meu, por caridade".

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

terça-feira, 13 de agosto de 2019

MINHA MÃE ERA MUITO DURA

"Minha mãe era muito dura comigo, principalmente com ao estudo," diz o general Augusto Heleno em entrevista a Globo News.

Com essa palavra do general, aproveito para dizer que a escola hoje sofre muito pela falta da força e autoridade da família.

PARADA SOMENTE NO ALFREDO

A parada de hoje nas escolas daqui ocorreu somente no Alfredo.

Os motivos... Nossa! Cada um mais sem sentido, pelo menos para mim.

Eles são contra a militarização das escolas, mesmo que, sabendo nós que as escolas militarizadas são melhores que as não.

UMA SÉRIE DE BARULHEIRA

A cidade tem passado por um período de barulheira daquelas insuportáveis.

Foi assim no último final de semana. E assim parece continuar. É uma poluição sonora perturbadora. Não se pode repousar, ouvir, ver TV, estudar, enfim. Sossego.


segunda-feira, 12 de agosto de 2019

ALFREDO ADERIU À PARADA DE AMANHÃ

A Escola Estadual Professor Alfredo Simonetti aderiu à parada nacional de amanhã.

Até onde sei, a Escola Calazans não vai parar.

NA TORCIDA A FAVOR DA PARADA

Mais uma parada nacional protagonizada pela cnte e apoiada pela cut.

Como das outras vezes, o protesto é contra a reforma da previdência, as privatizações e a militarização das escolas.

No estado, o protesto é contra o atraso do pagamento e a favor do aumento para aposentados e pensionistas.

E na torcida estão os alunos de Upanema para que os professores adiram ao movimento.

domingo, 11 de agosto de 2019

A GENTE FIZEMOS

A gente fizemos não é linguagem informal, mas desconhecimento da linguagem formal e prova de que a escola não entrou dentro do falante.

ESTUDANTE

Hoje também é dia do estudante. Dia quase completamente esquecido, visto que hoje não é dia letivo.

Como podemos definir um estudante?

Aquele que está matriculado e frequenta uma escola?

Não. Isso é rebaixar os estudantes.

DIA

Dia dos pais perde para o dia das mães  auê. Porém, nesses últimos anos tenho percebido que as comemorações têm aumentado. 

Viva o dia dos pais!

Bom para o comércio.

sábado, 10 de agosto de 2019

FESTA DO ESPORTE

Memória upanemense

"A Festa do esporte promovida por Dequinha Bezerra está hoje no XIII ano. Vieram hoje times de Mossoró, Janduís e Messias Targino, sendo este último o campeão do torneio e o vice, de Janduís. "(Texto manuscrito de 16 de agosto de 1997.)

No dia seguinte, faço a correção: o campeão foi Janduís e não Messias Targino.

sexta-feira, 9 de agosto de 2019

MEMÓRIA UPANEMENSE

"Visita hoje nesta cidade o governador do estado. Ele veio inaugurar (reinaugurar) o sistema de abastecimento d'água local no valor de 280.000 reais." (08.08.1997)

O texto acima é do meu caderninho de anotações. O governo do estado do RN na época era Garibaldi Filho, em sua primeira eleição. No ano seguinte ele seria reeleito, ganhando para José Agripino. E para presidente, Fernando Henrique ganharia de Lula novamente e este perderia a eleição pela terceira vez consecutiva, já que perdera a primeira para outro Fernando, o Collor de Mello.

quinta-feira, 8 de agosto de 2019

O PAÍS CAMINHA

Vivemos momentos de reforma da Previdência.

Todos concordam que disso precisamos, mas nem todos defendem publicamente, pois é eleitoralmente inviável.

quarta-feira, 7 de agosto de 2019

AQUECIMENTO

Amanhã será mais quente que hoje, diz a previsão.

Uma grande discussão que há hoje é:

Se há ou não o aquecimento global?

Há pouco tempo eu responderia sem pestanejar que sim.

Depois de ouvir o outro lado, comecei a ter dúvidas.

Duvidar às vezes é bom.

terça-feira, 6 de agosto de 2019

segunda-feira, 5 de agosto de 2019

FALTOU ÁGUA, MAS NÃO FALTOU ALEGRIA

Ontem faltou água nas torneiras, mas não faltou alegria à maior torcida upanemense e brasileira do futebol.

domingo, 4 de agosto de 2019

QUEM SE LEMBRA?

Anil

Os anis eram usados para dar cor azul (a cor do anil) às roupas. Mas era um azul claro, da cor do céu. 

Era costume tinturar uma roupa branca com o anil. 

Ainda me lembro do formato: feito de plástico, parecido com algumas embalagens de pólvora ou confeitos miúdos.

Nem sei se ainda existe o anil. Prometo procurar e depois registrar aqui a busca. 

Lembro-me que comprei algumas vezes lá pra casa ou para alguns vizinhos. Para fins de registro, digo que sou do tempo que menino trabalhava em diversas tarefas caseiras e conseguia crescer com dignidade.

sábado, 3 de agosto de 2019

QUE PALAVRA!

Caibo

Eu caibo
Tu cabes
Ele cabe
Nós cabemos
Vós cabeis
Eles cabem

Caibro: peça de madeira de seção retangular, usada em armações de telhados, soalhos, etc. (Aurélio)

A NOITE HOJE PROMETE

A noite upanemense de hoje promete muita barulheira.

Escutem! 

POESIA

Primeira estrofe de um poema

Deixe-me te amar
Em plena luz do dia
Expressar meu amor
Extasiada de alegria.

Júlia Costa

sexta-feira, 2 de agosto de 2019

ALFABETIZAÇÃO

Falta base

Falta base, sem dúvida, quando se trata de alfabetização e letramento.

Falha há, com certeza, na estratégia de decodificação dos letras, sílabas e palavras. Imaginem a interpretação de texto.

CIDADE NUBLADA

A cidade está nublada e já ensaiou uma chuva há pouco.

quinta-feira, 1 de agosto de 2019

MÊS DE AGOSTO

O mês entra e dá gostos e desgostos às pessoas do mesmo jeito que os os outros meses deram. 

Disso tenho convicção. 
Fora disso é superstição. 

NOITE DE FUTEBOL

Futebol local é atração hoje à noite no estádio Freirão.

PROVÉRBIO

Cipó não trepa em pau morto.