quinta-feira, 29 de agosto de 2013

REDAÇÃO QUE FICOU ENTRE AS 4 MELHORES DO SIMULADO DIOCESANO

Juventude em ação

Por Dário Filho*

Muitos dizem que a juventude brasileira está acomodada, que não tem muito o que fazer a não ser assistir televisão, que não conhece e não luta por seus direitos, que são jovens completamente diferentes daqueles que deporam presidentes e lutaram pelo que queriam. Mas estamos mostrando que não é bem assim.

Pelas manifestações nas ruas, podemos ver que os jovens não estão inertes na sociedade. Estão provando que, em sua maioria são informados e conscientes de sua situação e da situação de seu país, e provando que a juventude não é apenas uma fase de pura rebeldia e experimentação. Porém, a falta de rigor nas escolas e nas famílias também vem mostrando suas consequências. 

É muito comum ver jovens de diferentes idades indo às ruas apenas para destruir o patrimônio público e causar tumultos em meio as pacíficas manifestações daqueles que desejam ver seu país prosperar. Infelizmente, essas atitudes da minoria estão dando argumentos para quem diz que a juventude é uma fase de rebeldia e que ela não deve ter voz na sociedade. Porém, sabemos que isso não é verdade, quando vemos manifestantes tentando impedir os baderneiros que insistem em manchar os bonitos protestos da grande maioria que está lá para exigir seus direitos.

Contudo, apesar de estarmos provando que a juventude já é uma fase de maturidade, sempre vai haver aqueles que dizem ser uma fase de rebeldia, como também, haverá aquela minoria de jovens que colocam argumentos na boca desses críticos.

*Dário Filho é filho do diretor da E. E. Prof. Alfredo Simonetti, prof. Dário Alessandro

Um comentário:

Sarah disse...

Muito obrigado, amigo.

QUE PALAVRA!

Carrapeta Pequeno pião que se faz girar com os dedos. (Aurélio) Espécie de pião que é girado com os dedos. (Soares Amora) Pequeno pião. (Ant...