segunda-feira, 15 de maio de 2017

CELULAR E LIVRO

Na labuta diária na escola, constatamos quão viciados estão os alunos no celular.

Parece moralismo barato, mas não é. Constata-se que a pesquisa escolar é coisa rara. "Todos estão surdos" e não conseguem entender o valor da pesquisa. As redes sociais de bate-papos fazem deles leitores, mas deficientes e só os empurram de ladeira abaixo.

Enquanto isso, a leitura dos livros é deixada pra trás. Fica o alerta.

Nenhum comentário: