quinta-feira, 20 de setembro de 2018

CORDEL DA GAROTADA

O menino traquino

Vou contar uma história
De um menino muito esperto
Que era triste e sem família
Mesmo com sua tia por perto
Cumprindo sua trajetória
Foi para o caminho certo.

Esse menino era bem traquino
Dava trabalho noite e dia
Mas não sabia que isso
Fazia mal para a sua tia.

Com o passar do tempo
As reclamações foi cada vez mais
Preocupando sua tia
Que com pouco tempo ficou doente
E sofria todo dia.

Mas ele não estava percebendo
Que aos poucos estava perdendo
Sua querida tia
A que ele amava
E fazia companhia
Mas um dia ele percebeu
Que a tia querida pedia a Deus.

Que ele parasse com essas traquinagens
Porque todos os vizinhos não estavam mais aguentando
E no lugar de fazer o bem
Ele só estava perturbando.

Um dia ele resolveu mudar
Para sua tia ajudar
Mas quando ele resolveu mudar
Já era tarde
Pois sua tia já estava partindo
Para uma longa viagem.

Ele ficou muito triste
Chorava todos os dias
Porque com suas traquinagens
Acabou perdendo sua grande tia
que pra ele era sua família.

Samuel Wesley, Andé Zitor e Renarley, alunos da 1ª série A, Calazans Freire.

Nenhum comentário: